quinta-feira, 11 de novembro de 2010

Não quero ver ou saber de coisas Ruins...

Ainda hoje em dia escuto certas coisas que me dá raiva,vcs acreditam que tem gente que fala assim quando vê deficientes,cadeirantes,amputados sem falar quando são crianças,daí as pessoas dizem eu não quero ver nem saber de coisas ruins...
Coisas ruins?Somos coisas ruins?Vou explicar,esse fim de semana,como todo mundo sabe teve o Teleton,em que contava histórias,deficientes e suas superações,junto a AACD.Eu já me deparei com algumas pessoas que preferem mudar o canal,e não ver,entendo que ser humano,até eu quando vejo uma criança,penso por que uma criança?Se é uma fase tão importante na vida de uma pessoa...Mas não tem uma explicação,as pessoas nascem com alguma deficiência e pronto,claro que existem outras que se tornam,como eu depois de capotar de carro,algumas vezes na vida não temos escolhas,somos obrigados a encarar a vida de frente e com realidade.
Mas existem pessoas que preferem fechar os olhos para realidade,ficam com pena ou  medo,e preferem não ver e nem saber,acham que o problema é delas e de suas familias.Mas eu acho que a solidariedade,pode mudar o mundo,sim! Podemos ajudar milhões de pessoas,a terem uma vida melhor,se cada um fizer a sua parte por menor que seja, vai estar ajudando a melhorar a vida e mundo de muita gente.
Não deixe que seu medo e covardia,tome conta de vc,faça algo,não cruze os braços para a realidade,seja mais humano,o mundo precisa de pessoas fortes e decididas,a ajudar o próximo,pense nisso...

7 comentários:

  1. AS PESSOAS FOGEM POR COVARDIA, NÃO PPENSAM QUE UM DIA PODERÃO ENFRENTAR UM PROBLEMA IGUAL OU SEMELHANTE, PARECE QUE SÓ ENXERGAM O QUE ESTÁ A UM PALMO DO NARIZ, OU MELHOR , MUITAS VEZES NEM ISSO, SÃO MESMO INSENSÍVEIS E IGNORANTES, POIS IGNORAM A REALIDADE DE MUITAS PESSOAS E FECHAM OS OLHOS COMODAMENTE PARA NÃO AJUDAR. Isto é terrível...

    ResponderExcluir
  2. Olá a todos é a primeira vez que escrevo no blog mas já estou lendo algum tempo é realmente uma ferramenta muito importante na busca de uma melhor qualidade de vida para todos nós (cadeirantes). Gostaria de apenas contribuir com esta discussão de acessibilidade em lojas, comércio em geral, sou fiscal sanitarista (vigilância sanitária). Nos estabelecimentos que possuam alvará sanitário (bares, lanchonetes, panificadoras, restaurantes entre outros da área da saúde) o fiscal só pode liberar a licença se o estabelecimento estiver de acordo com as normas Abnt 9050. Isto existe em todo Brasil pois o Decreto Federal 5296/04 em seu Art. 13 é explicito em relação a isso. Aqui em Joinville minha cidade é claro tinha eu para cobrar da moçada, mas todo mundo tem e deve cobrar das Vigilâncias municipais o cumprimento do Decreto Federal 5296/04.
    Um grande abraço a todos e fico a disposição através do meu e-mail para maiores esclarecimentos. iranluizoliveira@hotmail.com

    ResponderExcluir
  3. Querida, obrigada pela sua visita e volto mais tarde para te ler com calma.

    AbraçoZzz

    ResponderExcluir
  4. Sensacional seu blog, parabéns!

    ResponderExcluir
  5. Adorei seu cantinho virtual.
    Olha eu não gosto de ver os programas, pq fico com vergonha, vergonha de mim, que não tendo as mesmas dificuldades e por muitas vezes desisto das coisas.
    Tenho déficit de concentração e incapacidade de lidar com números.Fico boba de ver a força e alegria daquelas crianças que superam tantas coisas, me fazem sentir um grão de areia.

    ResponderExcluir
  6. Concordo com vc...muita gente menospreza o próximo e muitas vezes só se dá conta quando algo inesperado acontece com ela.

    Confesso que não estou por dentro de muitas coisas, mas acho muito bacana as iniciativas para ajudar a melhorar a vida de todos que precisam de um apoio médico, de transporte e por que não até mesmo psicológico, pois muitos precisam superar algo que muitas vezes é maior que a própria deficiência física: o pensamento negativo.

    Quero parabenizar seu blog e dizer que adoro suas opiniões!
    Tem dois selinhos pra vc na minha página selos. São os selos "rede mundo melhor" e "Selinho do bem".
    bjuuus!

    ResponderExcluir