terça-feira, 28 de dezembro de 2010

Um FELIZ ANO NOVO..Que venha 2011

Mais um ano que se passa,com muitas alegrias e tristezas,até porque tudo isso faz parte de nossas vidas.Quantas vezes caímos esse ano,mas conseguimos levantar,com luta e garra...
Sentimos falta de tantas pessoas queridas,que já não estão mais entre nós,fim de ano a gente lembra mais da familia.Onde todos se encontram para compartilhar cada momentos...
Eu sei que complicado pra muitas pessoas,compartilhar essas festas,nem sempre a familia é perfeita,mas acho que temos que fazer o que temos vontade,mas nunca esquecer daqueles mais velhos,quando somos adolescentes esquecemos que um dia ficaremos velhos também,esse papo de que é um saco visitar e passar festa de fim de ano com avós,tios e tal...Puxa vida,é tão ruim assim,perder algumas horas ao lado de pessoas que uma vida inteira se preocupou conosco?Festa e viagens podemos fazer qualquer época,mas mesmo assim existem pessoas que só pensam no seu bem estar,um dia elas irão perceber o quanto de coisas fizeram de errado,tomara não ser tarde demais...
Somos livre para viver nossas vidas do nosso jeito,conviver com amigos verdadeiros,que nos tragam alegria.
Se você é casado,curta seus filhos a sua familia,mas se você não tem familia,não se envergonha e nem fique triste,não se sinta errado por estar vivendo diferente,viva para você,afinal você está vivo,e muita coisa muda e pode mudar em nossas vidas.
O encontro maior de final de ano,deve ser com você,com seus projetos e realizações!!Tenha paciência e luz no pensar em sua vida,ame-se mais...Não se culpe por algo que deu errado,somos humanos e imperfeitos.Seja menos egoísta...
Quero desejar a cada amigo que me acompanha nessa vida,um FELIZ ANO NOVO!!
Cheio de AMOR,PAZ,ALEGRIA E REALIZAÇÕES!!

quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

FELIZ NATAL!!

Quero deixar a todos meus amigos  que aqui me acompanham,compartilhando minhas horas de alegria e tristeza,um Feliz Natal!!
Desejo a cada um de vcs,muita saúde e paz!!
Amo vcs!!
       FELIZ NATAL!!Ho...Ho...Ho...

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

Selo-Presente

Mais um selo que eu ganho da minha querida Kekel (este blog mora no meu coração)




Este selo é o reconhecimento para os blogueiros que dedicam a seus seguidores a produção de um cantinho de amor com suas ideias, receitas, opiniões, literaturas, cartões, entre outros. 

Segue então os preceitos desta indicação:
1. Faça um post com o selinho em seu blog;
2. Link o blog que te presenteou;
3. Escolha entre cinco a dez blogs para homenagear;
4. Avise aos seus indicados.

sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

Quem Sou??

Sou como você me vê.
Posso ser leve como uma brisa ou forte como uma ventania,
Depende de quando e como você me vê passar.




Não tenho tempo pra mais nada, ser feliz me consome muito.


Clarice Lispector

sábado, 11 de dezembro de 2010

Por que o diferente assusta?

É incrível,mas o diferente sempre assusta mesmo,se você nasce com coisa de mais ou de menos, já te olham de outra forma,com preconceito mesmo.A pessoa estuda demais ,não quer sair,vive para os estudos,é considerada uma NERD,já começam a excluir do seu grupo.Se tem uma mulher que se veste com degotes ousados,fala o que pensa,dá em cima de um homem,diz quando quer fazer sexo,é considerada um PUTA,olha o preconceito de novo!!
E os deficientes,nem se fala,eles são diferentes,perante os olhos das outras pessoas,porque foge dos padrões,tanto de beleza quanto de capacidade física.Porque muitos deficientes tem uma vida normal,trabalha,estuda,namora,casa e tem filhos.Mas a sociedade de uma certa forma,não pára para ver,ou entender essas pessoas,generalizam,acham que são inúteis.
É mais fácil,você subir de escada rolante do que escada,até porque a escada cansa,as pessoas enxergam a vida assim,não querem problemas,nem se envolver com coisas que não se diz respeito,estão preocupadas com o bem estar delas.
Mas infelizmente elas só vão dar valor depois que perdem algo,ou suas vidas são modificadas,com um acidente ou um filho que venha nascer diferente(deficiente).
Outra coisa que percebi,foi quando fiz um outro blog falando de sexualidade,muitas pessoas me viram com outros olhos,quando descobriram que eu era deficiente,outras não,acham bacana a maneira com que eu encaro vida.Eu simplismente decidi viver,era normal ainda adolescente,descobri o sexo ainda andando,depois do meu acidente achava que ali era o fim de uma vida,mas não, namorei,casei e tive uma filha,e vi sim ,que podemos ter desejos e prazeres em relação ao sexo.As pessoas pra mim tem que decidir lutar e enfrentar o que acreditam,não interessa o que os outros vão dizer,e sim o que você acredita, que possa te fazer feliz.Não deixe médicos e pessoas lhe dê limites do que você pode ou não fazer.
Vou dar um exemplo,um dia escrevi aqui,que quando eu estava com 5 meses de gravidez,começou a me dar umas contrações,e fiquei assim durante umas 3 horas,até meu marido chegar em casa,eu estava sozinha,corremos para o hospital, e chegando lá uma médica me olhou e disse:
_Você é paraplégica,não pode estar sentindo contração!!
Gente me deu uma raiva dela,naquele instante,ela resolveu mesmo assim ver se eu estava,e constatou que eu tinha alguns dedos de dilatação...Ela ficou com uma cara de idiota,sem saber o que falar.
_É realmente ela está com contração,vai ter que tomar um remédio...
Então gente,ela estava generalizando,nem todo deficiente é igual,cada um tem suas limitações,por isso acredite em VOCÊ...
A muito tempo atrás,entrei em um chat,de curiosa de um blog de umas meninas que escreviam sobre sexualidade,comportamento e moda,entrei meia assim,eu mais velha e deficiente,já viu,né?Quando falei que era cadeirante,a maioria eles se espantaram,mas acharam legal,eu ter um blog que falava também de assuntos como os delas,tive que falar de imediato quem eu era até porque alguns meninos começaram a querer meu msn,e eram tudo novinhos,pra encurtar a história,fiquei amiga deles,alguns me adicionaram,para desabafar e tirar dúvida sobre sexo hahahahaha,me respeitaram a todo instante,e as meninas do blog me convidaram para escrever lá também,amei o convite,e estou adorando,uma balzaquiana no meias das meninas...Pra quem quiser visitar o blog http://www.garotasveneno.com/
E tem o outro que é meu,pra quem não conhece
http://lesadaeapimentada.blogspot.com/
Tenista paraolímpica posa nua holandesa Esther Vergeer-tênis em cadeira de rodas
Triatleta Sarah Reinertsen ,paraolímpica do anos passado,a primeira amputada a completar o Ironman


Seja você deficiente ou não,vai sofrer preconceito,tem meninas que não querem andar com outra menina,sabe porque?Porque se ela for linda,vai tirar o encanto da outra,isso uma idiota pensando,porque nem sempre a beleza é tudo...MAS O DIFERENTE ASSUSTA...

segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

Seria os PAIS, culpados?

Todo dia nos deparamos com cada situação,e daí vem a minha cabeça,seria os pais os culpados?Vou explicar o por que da minha pergunta..
Estava no shopping esse final de semana,nessa época é um saco,muito cheio,fim de ano,né?Mas fui igual, comprar umas coisas,depois fomos a praça de alimentação,um rapaz estava sentando em sua mesa,quando veio uma garota tipo uns 17 anos,e batei no braço dele,o refrigerante dele virou na bandeja,por cima das batatas fritas(Mac Donald´s)o cara olhou para ela e falou:
_Vê se presta mais atenção!!(educado)
Ela:
_Não falo com pobre!!
E a mãe da garota estava ao lado dela,e falou pra ela se retratar,ela simplesmente ignorou a mãe,com um ar bem soberbo,e disse:
_Bem coisa de pobre,ficar bravo por causa de uma batatas fritas,pobre...
Vocês imaginam uma fila cheia,eu estava longe,até porque se fosse comigo fazia ela comer a bandeja,eu atirava em cima dela mesmo,adoro um barraco quando preciso...
Fico me perguntando,será os pais culpados?Olha gente não gosto de generalizar,mas acha que falta educação,não sei se ela era rica,mas que direito tem uma garota de tratar uma pessoa da forma que ela tratou?Será que não falta,os pais serem mais rígidos?Que adultos estão se formando,sem um pingo de caráter,acham que são donos da verdade...
Naquele momento ,percebi que eu,não era deficiente,deficiente era aquela garota tão nova,que desprezava qualquer limite,e respeito para com o próximo..Lamentável...

segunda-feira, 29 de novembro de 2010

Dai-me paciência

Este fim de semana,dei um pulinho na serra,Gramado nesta época está divino,as ruas e lojas todas decoradas,lindo de se ver,cidade estava cheia de turistas,nem lugar para estacionar tinha,hotéis lotados.O povo vai muito para lá ver os desfiles do Natal Luz,pra falar a verdade não tenho saco pra ficar olhando desfile por mais lindo que seja,gosto da noite claro...Mas tem muita gente que adora!!Fomos em bar bem bacana que fica em Canela Bill Bar,gosto de lá tem vários ambientes.
Entramos já era 1h ,tinha uma banda bem legal,e  casa lotada,um passa pra lá e pra cá,e nisso vi um segurança  que me olhava,passava e olhava de novo,de repente ele chegou perto do meu marido e falou:
_Não é melhor colocar ela mais para trás,para não bater na cadeira dela?
Meu marido me olhou com uma cara,já sentindo minha reação...
_Eu não vou para lugar nenhum e nem para trás,estou bem onde estou,fica tranquilo...
Respondi uma raiva e uma vontade de pular no pescoço do segurança,tudo bem...De repente o cara estava preocupado comigo,mas só um pouquinho,eu tenho boca,e posso perfeitamente,responder a qualquer pergunta,agora ele se dirigir para meu marido,como se ele decidisse o que deveria fazer por mim,por favor...
Ainda vamos ter que conviver com esse tipo de coisa,não sei até quando,falta informação?Não sei,talvez ainda eles sentem pena de ver alguém sentado em uma cadeira de rodas,ai meu DEUS,dai-me paciência...

domingo, 21 de novembro de 2010

O mesmo SOL que endurece o barro,derrete a cera...

Ontem fui a um bar,não conhecia ainda,pra falar a verdade,achei terrível o som do dj,mas tudo bem,estávamos em uma turma boa,daí tudo fica bom...A gente pega no pé de um e outro,porque na noite,se vê de tudo...Bom tinha acesso,o cara da portaria era da matrix como eu,tinha uma prótese na perna,entrei normal o povo ficar me olhando,mas acho que em todo lugar olham para as pessoas,claro de um modo diferente, para cada pessoa,mas ainda as pessoas acham que um cadeirante é um coitadinho,que sai com as pessoas por caridade,e ninguém quer namorar,casar e tal..Olha nunca foi problema para mim,desde que me acidentei ,fiquei,namorei,claro teve um tempo que eu me fechei pra vida,normal,acontece com algumas pessoas logo que se acidentam,mas casei tenho uma filha linda,tenho amigos,e adoro meter as rodinhas,em vez de pé hahahaha,adoro uma balada,festa é comigo.Quando a relacionamento nunca encuquei,muito,até porque aprendi a me amar,me aceitar...
Me deparei em algumas conversas ontem,e fiquei pensando,todo mundo tem problema,tem que ver como enfrenta ele,uns se entregam,não lutam...Os beneficios ou malefícios de uma dificuldade,seja em que área for,dependerão sempre das atitudes tomada.Por mais aparentemente prejudicial que seja um acontecimento,continuará em nossas mãos a escolha da atitude a ser assumida face ao ocorrido.
As escolhas são nossas,passava mil coisas na minha cabeça ontem,falava com uma amiga que está em depre,ela não tem nada,tem saúde,emprego,carro ,boa casa,mas trata um problema banal,com seriedade,então conversamos,e ela começou a ver as coisas de uma maneira diferente,nossos problemas é como essa frase,"O MESMO SOL QUE ENDURECE O BARRO,DERRETE A CERA!! "

quinta-feira, 11 de novembro de 2010

Não quero ver ou saber de coisas Ruins...

Ainda hoje em dia escuto certas coisas que me dá raiva,vcs acreditam que tem gente que fala assim quando vê deficientes,cadeirantes,amputados sem falar quando são crianças,daí as pessoas dizem eu não quero ver nem saber de coisas ruins...
Coisas ruins?Somos coisas ruins?Vou explicar,esse fim de semana,como todo mundo sabe teve o Teleton,em que contava histórias,deficientes e suas superações,junto a AACD.Eu já me deparei com algumas pessoas que preferem mudar o canal,e não ver,entendo que ser humano,até eu quando vejo uma criança,penso por que uma criança?Se é uma fase tão importante na vida de uma pessoa...Mas não tem uma explicação,as pessoas nascem com alguma deficiência e pronto,claro que existem outras que se tornam,como eu depois de capotar de carro,algumas vezes na vida não temos escolhas,somos obrigados a encarar a vida de frente e com realidade.
Mas existem pessoas que preferem fechar os olhos para realidade,ficam com pena ou  medo,e preferem não ver e nem saber,acham que o problema é delas e de suas familias.Mas eu acho que a solidariedade,pode mudar o mundo,sim! Podemos ajudar milhões de pessoas,a terem uma vida melhor,se cada um fizer a sua parte por menor que seja, vai estar ajudando a melhorar a vida e mundo de muita gente.
Não deixe que seu medo e covardia,tome conta de vc,faça algo,não cruze os braços para a realidade,seja mais humano,o mundo precisa de pessoas fortes e decididas,a ajudar o próximo,pense nisso...

sábado, 6 de novembro de 2010

Um pianista,Especial...

Três jurados do programa China's Got Talent,ficaram pasmo ao ver um rapaz Liu  Wei,que não tem os dois braços,subir ao palco e dizer que ia tocar piano.Sua determinação foi tanta,que conseguiu chegar ao final da competição,e emocionou milhares de pessoas."Pelo menos tenho um par de  ótimas pernas",diz Wei.
Ele teve de amputar os dois braços aos 10 anos,devido a um choque,quando brincava de esconde -esconde.Oito anos mais tarde ele decidiu seguir a carreira de músico,e estudou piano com muita determinação.vejam..





fonte Virgula

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

E a imprudência...

Hoje como sempre faço,vendo o jornal local na tv,fiquei horrorizada,com a quantidade de pessoas que ainda estão morrendo em acidentes de transito.Quando não morrem se tornam deficientes físicos,e a imprudência continua...
Cada feriado,é aquilo,mesmo tanta propaganda sendo feito em todos meios de comunicação,as pessoas ainda não dão valor por suas vidas,e o pior que colocam em jogo outras,começando pelos filhos,que carregam dentro do carro,e outros tantos que são atropelados,ou mortos em uma ultrapassagem idiota,para poder chegar alguns minutos antes que os outros.
Através de movimentos com o o Superação,mostra o número elevado de de deficientes e mesmo assim parece em vão...Mas acredito que se não fizessemos nada,as coisas seriam bem piores!!
Quando é que as pessoas vão se dar conta que a VIDA é importante?Oh..meu DEUS!!

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

Que absurdo...

Ontem,lendo algumas coisas pela net,me deparei com a maior idiotice universitária,um absurdo de bullying,em que universitárias acima do peso,foram submetidas a um jogo cruel chamado Rodeio das Gordas.
A agressão tinha até comunidade no Ortuk,consistia a flertar com as universitárias,consideradas gordas e em determinado tempo da abordagem passar a ofende-las ,agarrando-as por trás,simulando a montaria em touros de rodeios.E senão bastasse a humilhação contava com uma platéia de "peãos",que incentivavam a agressão,cronometravam o tempo que o estudante ficava nas vítimas.E o pior que eram praticado pelos os estudantes do curso de psicologia entre outras graduações.
Mas onde a gente vai parar?Eu não acredito,que possa existir tais indivíduos,que deveriam ser expulsos da faculdade,e ainda preso,porque BULLYING   é crime,e quem sofre,fica com sequelas que vai levar para uma vida inteira,no mundo que hoje vivemos,ainda acontece algo assim,que tipo de criação foi dada a essas criatura?O que serão no futuro?Isso também é uma violência as mulheres,merece CADEIA.
Agora fico pensando que tipo de psicólogo vai ser, alguns desses que estavam praticando tal idiotice?
O mundo está perdido...


fonte:
http://virgula.uol.com.br/ver/noticia/news/2010/10/27/261106-rodeio-das-gordas-idiotice-universitaria



segunda-feira, 25 de outubro de 2010

Depende da maneira que você Fala...

Gente vou falar aqui de uma coisa que não agrada muita gente,sempre tem um povo para complicar,vou explicar,todo e qualquer deficiênte não suporta que o chamem de aleijado,é uma palavrinha bem feia  e que machuca as pessoas de certa forma.
Esse dias mesmo eu falando para minha mãe,que deixasse passar a malacabadinha aqui que vos escreve,nossa ela ficou braba,dizendo que tinha me feito bem acabada ahahahaha.Esse termo é muito usado pelo Jairo em seu blog,e por nós que seguimos ele,malacabado  os deficientes,e infiltrado pessoas que não tem deficiência.
Mas isso incomoda muita gente,mas acho uma tremenda bobagem,estamos de certa forma brincando com a nossa deficiencia,mas existe hora pra isso, e momento certo.Não tem pessoas que brincam,tipo: _Eaí negão(negro)?Eaí gordinho(gordo)?Eaí tampinha(baixinho)?Eaí girafa(cara alto)?Mas falam de brincadeira...
No dia da passeata do movimento superação,encontrei uma amiga de anos,e ela está casada com um cadeirante também,ela é infiltrada,e falou pra mim  bem alto:
_Aldrey !!Eu conheço esse bando aleijado tudo...
E eu e ela começamos a rir junto,mas muita gente que estava do nosso lado ficaram brabo.Pensa bem?Se ela tivesse falado com maldade,nem estaria ali,e ainda mais casada com um cadeirante,foi brincadeira,mas mesmo assim,certas pessoas não entende.
Eu sempre brinco que sou lesada,fiz um chat os lesados,e umas meninas falaram ,que horror eu colocar esse nome.Mas tudo tem hora certa e maneira de falar.
Olha a vida é tão dura,independente que cor ou estado físico,então vamos ser mais leves,não leve tudo a ponta de faca, relaxa...
Eu já fui uma pessoa sem deficiencia,devido a um acidente aqui estou,e nesse anos pude perceber ,que a pior deficiencia é o PRECONCEITO.
Meninas, que me dizem? Eesse malacabado,nossa  hahahaa
Eai meninos?O cara é bonito...

Essa é minha amiga Mari, tetreplégica e lindaaaaa,fora que é uma artista http://bymarisabel.blogspot.com/

terça-feira, 19 de outubro de 2010

Bom Senso e Maturidade

Hoje percebo o quanto a vida nos ensina,seja na dor ou na felicidade,para ser mais exata o tempo nos ensina...
Apesar de ficarmos mais velhos, o tempo pode correr ao nosso favor,cada dia que passa é um aprendizado,sou feliz com a cabeça que tenho hoje.
Quando adolescente queria as coisa pra ontem,ansiosa ao extremo,viciada em exercícios,fazia faculdade,ginástica,capoeira,musculação,alongamento,além de das minhas aulas de ginástica que eu dava,e fim de semana ainda fazia uma corrida(que loucura)fora as baladas,fazia sexo,e ainda faço claro hahahaha.
Reclamava,me decepcionava,não tinha calma para que as coisas tomassem um rumo,queria resolver coisa que não podia,entender o impossível,me magoava com  frequencia,me sentia infeliz,tendo saúde...
Perdi muitos amigos ,sumiram sei lá...Outros permaneceram até hoje ao  meu lado,e outros que fiz ao decorrer dos anos.
Percebemos que alguns momentos devemos ser fortes para romper,e que em outros temos ainda que ser mais fortes,para aceitar.
O que não podemos é fechar os olhos para as experiências da vida quando já estamos prontos para aprender com os desafios.
Hoje sim tenho mais senso e maturidade,pra enfrentar todos os obstáculos,que tiver pela frente,só o tempo nos ensina,e ainda sei que tenho muito a aprender...

domingo, 17 de outubro de 2010

Deficiente e Gay

Sabe gente,escrevemos e ouvimos,quase todo dia o grande preconceito que existe ainda com os deficentes,negros,gays,gordos e os bem magros também.
Mas vcs imaginem um deficiênte e gay ao mesmo tempo,vai sofrer dois preconceitos ,um por ser gay outro por ser deficiênte,tem coisa pior?A pessoa não  escolhe ser deficiênte,ela nascem ou se tornm,mas ser gay é uma opção sexual,um direito que ser humano tem,de escolher a sua sexualidade,seja ela qual for.
Mas existe muitos deficentes que não curtem muito, quando vê, tipo um cadeirante gay,tratam com preconceito,infelizmente.
Achei lindo,o ex BBB Fernando,que hoje é cadeirante,fez um ensaio sensual tempos atrás para um revista gay,derrubando qualquer tabu,mostrando o quanto ele pode ser desejado,por qualquer um, inclusive os gays.
Mas vou contar uma coisa,essa semana eu fiz amizade com uma deficiente que mora na Espanha,ela uma mulher bonita ,nova,conversávamos sobre nossas vidas,cidades e países com acessibilidade,maior papo...De repente ela começou me elogiar,e ela me cantou,sabe eu não espeva,fiquei sem ação,daí comecei rir muito,falei que não era minha praia,mas que não tinha preconceito ,gente tinha me esquecido que um deficiênte pode ser gay também hahahaha,santa igenuidade...
Criados em uma sociedade preconceituosa,não é fácil ...




sexta-feira, 15 de outubro de 2010

Exoesqueleto Mecânico

Muitas pessoas já devem ter visto esse video,mas nós que já estamos um tempo sem nadar,ficamos fascinados em ver,que muitas pessoas possam andar com ele...E daí vem na minha cabeça,quanto deve custar?E quando será que vamos poder usar?Isso se der...
Outra coisa,não tem tradução,mas as imagens já dizem tudo,olha felicidade da mulher...



Cozinhas para Deficiêntes

Olha gente,é complicado ser cadeirante e não ter uma casa adaptada,e a cozinha por incrível que pareça é aonde a gente fica mais,vira  e mexe lá está a gente,e quando se é uma dona de casa e cadeirante,mais ainda...
Mas quando não se tem uma graninha,tem que fazer do nosso jeito,mas vou colocar umas fotos aqui,de cozinhas  lindas pra gente,mas nem imagino o preço que deve ser,barato que não deve ser.












Esta cozinha da empresa italiana Snaidero ,que criou uma cozinha baseada em estudos ergonômico sobre o manejo de pessoas idosas e deficientes físicos.
Essas fotos abaixo de cozinhas,foram criadas pela outra empresa italiana Valcucine,essa eu amei..Cozinha toda em inoxidável e as bancadas permitem acesso das cadeiras de rodas.












Esse post e o anterior vou tirado de um blog bem bacana que eu achei de um designer brasileiro do blog http://designinnova.blogspot.com

segunda-feira, 11 de outubro de 2010

Dia da Criança

Acho que uma das fases mais importante de nossas vidas,lembro-me quando eu corria de pés descalços,subindo em árvores,tinha até carrinho de rolimã,grandes lembranças...
Mas fico pensando,e quantas e quantas crianças não podem sair correndo e pulando,mas mesmo assim são felizes,e curtem cada momento como criança.Pena que existem ainda um preconceito idiota,que vem já lá de dentro de casa,de pais que não se importam em ensinar pra seus filhos o quanto é importante,não ter preconceito,que elas podem brincar com outras crianças deficiêntes,como algo normal.
E dando uma futricada na net descobri umas bonecas especiais,já vimos no mercado bonecas negras,uma amiga da barbie cadeirante,mas esse modelos não tinha visto ainda,é interessante,para que as crianças vejam e se sintam mais  incluídas na sociedade,gostei das bonequinhas.
Em outros países eles se preocupam com as crianças com deficiencia,aqui no Brasil não vi esse tipo de brinquedo...




Essas são fabricadas por Saw Able que fazem fisioterapia,tem até aparelhos.






Estas são síndrome de Dawn,criada pela em empresa americana 
The Children Factory,quem sabe as fábricas de brinquedos comecem a pensar diferente.Porque boneco deficiente só vi no Teleton.
E FELIZ DIA DAS CRIANÇAS!!!

sexta-feira, 8 de outubro de 2010

Nós somos os Heróis

Sabe eu estava vendo um pessoal falar,que bom se existisse super heróis,imagina poder ajudar tanta gente.Mas se pararmos pra pensar,heróis somos nós!!Quem vive enfrentando cada batalha de todo dia é a gente,as dificuldades de sair sozinho em lugar sem acessibilidade.É a calçada cheia de buracos,a gente tem que dar um duro,para sair do lugar.
Então esperar um ônibus, uma luta não é todo lugar que tem adaptado,isso quando o motorista não está de ovo virado,daí passa reto por vc.
E se não tiver plano de saúde?Se fu..Vamos ter que enfrentar uma fila imensa para marcar um exame que pode levar um ano pra ser feito,de tanta gente que precisa fazer...
Comprar uma casa,claro se mandar fazer, não vai achar adaptada,vai ter que fazer uma reforma daquelas,muito gastos,para um aposentado ganhando um salário mínimo, e tendo que comprar um monte de remédio,cadeira de rodas,de banho e apetrechos do dia a dia,para uma sondagem...
Se não é aposentado está na luta pra trabalhar como qualquer outro cidadão,estudando e enfrentando muitas barreiras,mas a pior dela é o preconceito,que magoa e que mata dentro do peito toda sua vontade de viver.
Mas mesmo assim a gente cai  e levanta,e resiste a tudo e todos,com esperança de que as coisas possam mudar.
Somos heróis de carne e osso,heróis da VIDA...

segunda-feira, 4 de outubro de 2010

Me senti uma candidata...

Sabe gente domingo fui votar,nossa tinha muita gente,um domingo de sol maravilhoso...Depois que votei,vcs sabem cadeirante,idoso,gestante e pessoa com bebezinho no colo também passa na frente,mas acreditam que tinha homem indo votar com filho e passando na frente na fila,na maior cara de pau...Cada coisa que esse povo faz pra não ficar na fila.
Bom,votei e fiquei esperando meu marido votar,e enquanto isso fiquei tipo de um saguão de uma escola,esperando.Passava uma pessoa e me comprimentava,eu retribuia,mas depois parava mais pessoas idosa e dizia;
_Deus te abençoe,minha filha!!
Mas era toda hora,sei lá me viam na cadeira de rodas,acho que tinham pena de mim,não gostamos desse termo de pena,mas as pessoas mais velhas ainda nos olham assim,mas tudo bem.Me pegavam na mão,dali a pouco eu só dizia amém...Amém...
Teve uma senhora que pegou nas minhas pernas e falava que eu ia me curar...Hum?Nem estou doente,só não ando...
Eu estava me sentindo uma candidata já eleita hahahaha

quinta-feira, 30 de setembro de 2010

Sempre caiu no mais caro...

Já notaram,que a gente sempre cai nas coisas mais caras,é incrível,é a jóia ,roupa,carro,tudo que vc acha mais lindo é caro.
E quando é remédio, a gente corre para o mais barato,pesquisa e vai nos genéricos,porque é uma luta,ter que comprar todo mes uma porrada de remédios.E comigo a coisa sempre complica,uso lentes de contato mais cara que as normais,para adaptar melhor anos atrás fiz transplante de córneas.Outros remédios para outras coisas acaba sendo o mais caro,pra não ter efeito colateral,tão grande.
Eu tenho uma gastrite,e todo mundo que eu conheço toma o omeprazol,sem problema algum,tomam todo dia...E  eu fui tomar,me dá um coisa horrivel na cabeça,se não cuidar me leva a depressão,vou explicar em casos isolados tem pessoas que tem depre pelo omeprazol,e adivinha?Eu sou um caso isolado hahahaha.
Agora estou com o mais carinho,que tem menos efeito colateral,aii meu bolso,e com esse fico bem...Só que esse me deixa a pele áspera,que saco,mas azar vou ficar com esse,porque também tentei um tal de ra..alguma coisa,que deixou um dos meus olhos inchado,que nem do filme do Hitch(Will Smith).
E agora me diz?Tem pessoa mais complicada?Hahahahaha

domingo, 26 de setembro de 2010

Feliz e Realizado

O que ser humano, o que mais quer nessa vida é ser feliz,e as vezes a gente é feliz e nem dá o devido valor,daí vem uma tempestade,muda sua vida,e só assim vc percebe que deixou de fazer tanta coisa coisa boa,pelo fato de reclamar.
Hoje vendo pela manhã até me emocionei,vendo a alegria que o Taiu,sentiu quando  conseguiu surfar depois de anos tetraplégico,o surf era sua vida,e o fato de poder realizar algo que a gente gostava tanto de fazer,é algo inexplicável...
O Fernando ex BBB,também falou da felicidade de poder voltar aos esportes,mesmo hoje sendo paraplégico está se sentindo realizado.
Por mais que as circunstâncias exteriores sejam dolorosas,e que seja impossível evitar a experiência do sofrimento,se nos permitimos ser preenchidos por uma vocação para a felicidade,podemos fazer com que esta situação seja apenas transitória.
Conseguir fazer algo que era muito prazeroso,nos dá uma felicidade imensa,cada luta que superamos,cada vitória conquistada,pequena que seja,para outras pessoas,para nós é algo tão imenso,damos valor a cada movimento conquistado...
Se quer ser feliz,comece a gostar do jeito que vc é...Felicidade é uma atitude...

sexta-feira, 24 de setembro de 2010

As pessoas não entendem...

Sabe as pessoas não entendem mesmo,canso de falar da dificuldade de um cadeirante andar por aí,sozinho.Sempre chega um e me fala,porque não saiu mais de casa sozinha,tipo sem ninguém mesmo,mas como vou fazer se as ruas são todas erradas,e a gente que é deficiente não gosta de ficar pedindo ajuda toda vez pra subir degraus,ou passar por buracos...
Não é que a gente não goste de sair,mas é um saco não poder fazer as coisas,que quer sem que peça ajuda,sei que muitos lugares tem certa acessibilidade,pra muitos ,mas outros lugares vai demorar e muito pra poder ser arrumado,porque político tem de monte pedindo voto,mas fazer que é bom...
E os carros nas ruas não respeitos os pedestres,imagina os deficientes,sei que tem muita gente boa por aí,mas ainda são poucos..
Talvez faça um esporte radical com cadeira de rodas como o cara aí em baixo,daí consigo...

domingo, 19 de setembro de 2010

Hospital não...

Eu ando de saco cheio de hospital,só os exames de rotina está mais que bom,o brabo quando aparece algo na gente,nem os médicos sabem o que vc tem,ficam de virando do lado avesso.
E pra completar meu sábado,acordei com meu abdomen todo duro,não conseguia nem respirar,entrei desespero e pensei, hospital não!!Eu estava sozinha,Stephany e Toninho,tinham saido,corri para telefone,primeiro chamei minha mãe,sabe com o é ,né...Depois liguei para Toninho(marido é pra essas coisas tbm),vir para casa porque a      coisa estava preta,pelo menos parecia hahahaha.
Que raiva,odeio hospital,ficar esperando horas,e na maioria das vezes médicos,não sabem que os deficientes tem,nós cadeirantes,sentimos diferentes quando tem algo errado dependendo do lugar,digo mais quando aparece uma febre,medo de infecção.Bom lá fui eu,uma tarde linda de sol,tudo de bom para estar em um hospital.
Tinha no mínimo umas 100 pessoas na minha frente,ai meu Deus...Vontade dar meia volta,mas o meu marido segurando a cadeira de rodas,disse:
_Nem pensar,pode esperar...
Monte de gente mal em cadeiras de rodas,outros em pé, e esse bando de politico dizendo que a saúde do nosso país,está melhor,vão eles ficar esperando atendimento em um hospital público!!
Logo parou um senhor bem velhinho na minha frente,em uma cadeira de rodas,escapou o coletor dele e caiu um pouco de xixi, no chão,nossa era horrivel o cheiro,infestou o lugar,ele só podia estar com uma baita infecção urinária,isso a gente conhece bem.
Claro que a metida aqui chamou um atendente lá pra limpar o chão,afinal ficar horas esperando e com aquele cheiro não dá...Não demorou muito entrou um preso algemado,e adivinha?Passou na frente de todo mundo,vê se pode?Tem preferência,mais que a gente,sem palavras...
Passada umas 2 horas,lá fui eu ser atendida,minha barriga parecia que tinha um alien,pulsava que sensação terrível,cheguei no consultório,já esperando um médico com cara amarrada,normal,né?Mas me enganei profundamente,a médica era maravilhosa,meia esquisita eu achei assim de aparencia,muito atenciosa,daí conversando falei para ela do que estava sentindo,mas sem febre ,pressão normal e temperatura também,estômago pulsando,só podia ser minha gastrite,que já não tratava a muito tempo,ainda comendo porcaria e muito café preto,ela mandou voltar para omeprazol,uma gastrite me deu tudo isso..E nesse meio tempo eu dentro do consultório,meu marido elogiava a médica pelo atendimento,ela super atenciosa me deu a receita, tenho mania de ler nome e sobrenome de médico,e a médica se chamava ADEMIR,gelei porque eu e ele chamando de ela,ai que mico,mas ele ou ela adorou de se chamada por ela,e eu não sabia como falar pra Toninho calar a boca,me ele falava a "senhora""senhora"...
Saímos da sala eu ria muito,ele não entendia,quando falei que era um médico,ele arregalou os olhos,e começou a rir também,só sei de uma coisa,homem ou mulher ,o importante que seja um  médico competente e educado,o resto...Não tenho preconceito hahahahaha.
Mas que ele gostou de ser chamado de médica,ele gostou!!
E agora to boa e me medicando.

sexta-feira, 17 de setembro de 2010

Amenizar os problemas...

Sabe,nada na vida é fácil,mas tem coisas que nos deixam angustiados,falo quando as pessoas nasce com uma certa deficencia,vivem bem,de uma certa maneira,mas como não conhecem outra condição,vivem bem,só superando mesmo o preconceito da sociedade.
Estou alguns anos cadeirante,foi barra sim ,mas sempre superando,tentando amenizar a dor...Falo da dor de sentimentos,de coisas que passamos,e o mais engraçado que as pessoas que convivem conosco,querem nos ver sempre sorrindo,a gente acostuma com algumas coisas na vida,aliás é obrigada a se acostumar...
Mas  a vida é assim mesmo compõe de fatos agradáveis e desagradáveis,sendo que o desagradável da vida nos alcança,passamos ai a reclamar do acontecimento,diante de todos que não mereciamos isso.
Nós temos que aceitar a vida com o ela é,tentar sim amenizar,fazendo outras coisas,que nos façam bem.
Mas sempre vem alguém te falar,vc parece tão feliz.mas eu sou feliz,mas ninguém no mundo é feliz 24 horas,tem horas de altos e baixos.e todo mundo está careca de saber.Tem dias que eu acordo com o gás todo ,mas tem horas que me sento na cama,e sinto um desânimo,choro baixinho para que ninguém perceba,mas me recupero logo,e "vamo que vamo".
As pessoas devem achar estranho eu escrever as vezes coisas assim ,mas essa sou eu,meia louca,mas que descobriu algo que faz muito bem,escrever...Estou longe de ser uma jornalista,escrevo tanta coisa errada hahahahha,mas adoro ler e escrever,me divirto com meu outro blog também,e muita gente fica espantada em me ver escrever coisas de sexo,mas o que tem de mais?Não sou assexuada,aliás nós deficientes,fazemos sexo sim!!As pessoas tem muito que nos conhecer mesmo..
O negócio é gente fazer algo que nos dê prazer,esquecer muitos problemas,porque escapar deles nem tem como,faz parte.Seja no esporte ,na leitura,dançando ou namorando,vamos amenizando os problemas...
Na verdade,quanto menos resistimos as provocações da vida,mais rapidamente as superamos,com isso nos tornamos mais inteligentes,mais capacitados e corajosos.

quinta-feira, 16 de setembro de 2010

Fico até entusiasmada...

Ontem fui aniver da minha filha,nossa parece que foi ontem que ela era tão pequininha,e agora já fazendo 15 anos,estou ficando velhinha mesmo...Mas quem não quer ficar velho, então morre antes,né?hahahaha
Pesquisando ali ou aqui,resolvemos sair pra jantar fora,porque festa não vamos fazer,estamos programando uma viagem pra ela no ano que vem,ela que nos pediu,se DEUS quiser e der tudo certo,ano que vem ela vai.
Bom começou o dilema uns dias antes pra ver onde iriamos,e ver se tem acesso pra cadeirante aqui,quando acertava o lugar,não tinha acesso PQP,ela achou uma pizzaria(a gurizada gosta mais),com elevador aeeeeeeeee...
Podem até rir de mim,mas quando alguém fala que o lugar tem acesso pra mim,fico até entusiasmada pra sair,me sinto importante,porque aquele lugar lembrou que tem pessoas que precisam se locomover,e tem alguma deficiencia ou certa idade pra subir escadas.
Fizemos uma turma e fomos,manobrista educado ajudando segurar cadeira,até a minha bolsa larguei em cima do cara,imagina a cena...
E lá estava o elevador,gente não imaginam como eu adoro sair e me deparar com tal coisa,tomara que todos os lugares as pessoas se importem com a inclusão.

segunda-feira, 13 de setembro de 2010

Nem me assusto mais...

Eu nem me assusto mais com as coisas que acontecem,por aí,semana passada meu marido levou a cachorra de uma amiga nossa ao veterinário,ela pediu porque estaria trabalhando e não tinha quem levasse mesmo,e o povo aqui em casa adoro um bicho.Ela comentou que  Mel uma boxer que a filha dela ganhou ainda pequeninha,está com cancer na boca,ela pensou até em sacrifica-la,mas daí a filha entrou em desepero,e não deixou ,de jeito nenhum.
A gente sabe ,nos apegamos pelos nossos bichos,que acaba se tornando um membro da familia.Daí vcs imaginam a pobrezinha tem que fazer químio,e ja tiraram parte da boca dela,só pode comer comida pastosa,e para um cachorro não é nada maravilhoso.
Mas vendo ela correr para todo lado,e brincando...Só tem coragem de ajudar mesmo...Quando eles voltaram na veterinária me falaram,que tinha alguns cachorros lá com 3 patas,outros paraplégicos como a gente,que são largados depois de um acidente ou cirurgia ,seus donos nunca mais vão buscar eles..é bem triste eu sei...Mas se as pessoas fazem isso com seus filhos,ou sei lá com quem,o que esperar que elas façam com os animais?Porque aqui mesmo na cidade tem um lugar onde ficam crianças com paralisia cerebral,que foram largadas por seus pais,em latas de lixo,estação de onibus,abandonadas em hospitais,o que podemos esperar mais?É triste mas é fato!!
Acho também que tem muitos animais,que valem mais que muitas pessoas por aí...
E detalhe tenho uma cachorrinha cega,amamos ela demais,anda correndo pela casa,nem se bate,já se adaptou,quer dizer de vez enquando ,eu e ela nos batemos hahahahaha.
Esse cachorrinho estava conosco na passeata do movimento superação,na luta..

domingo, 12 de setembro de 2010

Anormais e Bizarros

Gente, eu tinha que compartilha algo que li na net,sempre me perguntava,se cadeirantes e amputados,faziam filmes pornôs,porque anões,sei que fazem...
Mas descobri 2 brasileiros que faziam filmes pornôs,e vendiam para os EUA,uma empresa especializada em pornô bizarro,que tinha como slogan"Bem-vindo ao lado mais negro do pornô".Mas a empresa exigia tudo que parecesse estranho,diferente ou anormal.Daí o casal começou a recrutar,travestis,anões,hemafroditas,gordas de 150kilos,amputados e cadeirante...
Olha a gente aí nas coisas bizarras!!Um cadeirante ficou surpreso em ser convidado a fazer um filme pornô,ele vendia canetas em um semáforo,Poliana que estava convidando as pessoas que seriam atores,olhou para o cadeirante e pensou:
_Ele não tem os 2 pés que lindo!
Não acredito que ela pensou isso...Eu fiquei pensando,que tipo de gente que curti ver um filme assim...ANORMAIS E BIZARROS,SÃO ELES!!
Pra quem quiser ver mais sobre a reportagem
Fonte:http://revistatrip.uol.com.br/revista/192/reportagens/buracos-trocados.html#0
Ainda bem que eles mudaram de profissão...

sábado, 11 de setembro de 2010

Lamentar,é perca de tempo...

É complicado a gente entender,que não vale a pena se lamentar.é um desejo de ver as coisas diferentes, nos sentimos fustrados,impotentes e irritados.
O incrível é que começa parece dar tudo errado ainda mais...Quer coisa pior,combina de ir ao médico,o carro não pega,fura o pneu,vc não recebe a grana que estava esperando,a máquina de lavar quebrou,vc se atrasou,marcou encontro a pessoa não foi,se desencontrou,quer sair correndo e não pode porque vc não caminha...E agora ?Me resta lamentar...
São inumeras as situações que nos causa sofrimento,porque resistimos.Qualquer que seja a realidade que se apresenta,quando resistimos a ela,nós sofremos.Se aceitarmos a realidade da forma como ela se apresenta,o sofrimento desaparece.
O fato da gente aceitar não nos torna passivo.Mas se a gente se lamentar vai ser pior,tem coisas que não tem solução,outras tem de forma diferente.Uma saída sempre tem com certeza.É facil falar,o dificil e fazer...
Eu passei um tempo anos atrás só me lamentado,quando caí na real da minha condição física,me deu uma raiva,que tinha vontade matar um.O que ia adiantar?Nada...
Enquanto me lamentava a vida passava,tenho que enfrentar a situação de frente,essa é a minha vida hoje,vou me adaptar e viver.
Digo isso pra tudo,não vou fazer tempestade em todos meus problemas,ou mudo ou aceito.
Aprendi que lamuriar causa depressão,e não é brincadeira não.Por esses dias,andei lutando novamente,pra não entrar de novo em uma depressão.Foi tanta coisa que me deixou perturbada,pensava muito...Vcs vão até rir,mas sabe o filme Dias de Fúria?Tinha vontade de fazer o mesmo,mas que ia adiantar?Tem coisas quem me trazem muita angustia e infelicidade.Isso comigo e meio mundo...
Mas pensando bem,deu um estalo,e já não estou me lamentando,estou vendo saídas,e acreditem,quando eu decido enfrentar as coisas,parecem que fica mais fácil resolver.
Hoje estou  de bem com vida,deixei as lamentações e depressão também ,lá do lado de fora da porta.Mas sempre agradeço as poucas pessoas(amigos verdadeiros)de estar ao meu lado nas horas que sempre preciso...
Quero ainda,mudar de casa,de móveis,comprar uma cadeira de rodas nova,mas no momento não dá,mas quem sabe mais pra frente,né?hahahaha
E pensando bem,eu e minha familia com saúde,nem tenho que reclamar,nem me lamentar!!
Resolvi colocar uma foto de uma menina a cara da minha filha quando pequeninha,ameii...Filhos fazem um BEM...
E nos ajuda a superar!!