quinta-feira, 12 de dezembro de 2013

Toda pessoa pode SUPERAR!



No meio de tantas notícias ruins,dificuldades,mágoas,decepções,perdas.pessoas ,situações...Ainda sim ,conseguimos ser fortes pra enfrentar nossos medos e frustrações!Superar!!Ouvimos isso a todo instante.O superar de outra pessoa nos eleva,nos incentiva a fazer também!Não só os deficientes que conseguem se superar,as pessoas se superam,no seu dia a dia.
Dia desse ouvi uma pessoa falar, sobre um cara que fazia academia e se mostrava superando limites e junto a isso mostrava suas formas lindas em fotos,na rede social.Essa pessoa ria de tudo aquilo e achava idiota,onde tantas pessoas passam por problemas piores e ele ali falando de superação!
Eu não acho idiota,ninguém sabe da vida do outro,quem garante que esse mesmo cara não sofreu um bullying quando criança por ser gordo?E hoje conseguiu emagrecer,e se sente feliz por ter superado um trauma.Todos nós superamos alguma coisa em nossas vidas.
O ser humano busca felicidade,seja da maneira que for.Todo dia ele supera obstáculos!
Aceitar a vida,isso é importante!!Acredito na evolução espiritual,não estamos aqui somente por estar,tem que ter um objetivo.Não sei qual o seu problemas no momento,mas acredito que um dia pode tudo mudar,se tivermos fé!Temos que ter coragem de encarar a realidade...Final de ano, Natal e Ano Novo,tudo isso nos faz lembrar de coisas boas que passamos,mas também lembranças daqueles que já se foram.Só ouço pessoas falarem que não gostam dessas datas,eu era assim também,isso a 20 anos atrás,mas comecei a superar cada sentimento ruim meu,e consegui me permitir ser FELIZ!Tento buscar algo bom em minha vida,procuro lembrar coisas boas,viver o presente ao lado daqueles que me faz feliz.Você pode também.é só tentar!Faça um balanço de sua vida,de todos os momentos e tente superar as dores e busque algo bom,porque tem que haver  um dia se quer em sua vida, que foi bom,tente lembrar...Nós somos aquilo que buscamos.Faça um final de ano diferente!!Se mesmo assim não achar um dia bom,então comece agora e faço um...Saia pra rua,tente ajudar alguém,faça algo prazeroso...Supere sua falta de auto estima,se goste mais,só assim as coisas vão começar a acontecer.
Quero desejar a todos você um FELIZ NATAL E UM ANO NOVO repleto de realizações ,saúde,paz ,amor e muitas alegrias!!Que venha 2014!
Brinde a chegada de 2014 e comece o novo ano com muito alto astral!

quinta-feira, 28 de novembro de 2013

Coaching-Uma alternativa,para se aceitar!

Minha gente,já faz uns dias que li no blog  Inperfeitas , da minha querida amiga Luciana Marques ,e achei fantástico como ela achou uma alternativa ,para ajuda-la a superar a sua deficiência e poder se aceitar mais.
Como assim?Pra quem não sabe as pessoas que não nascem com uma deficiência,tem uma grande dificuldade de se aceitar(comigo foi assim),porque de uma hora pra outra você se depara com sua vida de cabeça para baixo.Muitos sofrem acidente ou tem alguma doença hereditária,e com isso fica ou vai ficando com certas limitações o que leva a deficiência.
Antes de colocar o video dela ,falando um pouco sobre o Coaching e os benefícios que ele pode trazer,vamos a definição.O que é Coaching?
Coaching é uma gíria que surgiu nas universidades norte-americanas para definir um tutor particular. O coaching preparava os alunos para exames de determinada matéria. Com o tempo passou a ser usada também para se referir a um instrutor ou treinador de cantores, atletas ou atores. A palavra coaching vem da palavra inglesa "coach" e significa treinador. Esse treinador tem o objetivo de encorajar e motivar o seu cliente a atingir um objetivo, ensinando novas técnicas que facilitem seu aprendizado.(http://www.significados.com.br/coaching/)

Vejam o video "Conching on line"Conheçam um pouquinho da história dela...


 E o fato de você se ver,faz com que aceite sua nova condição,muitos devem estar pensando que é meio idiota esse tipo de coisa,pois não é!!Sempre coloco aqui os 2 lados,o da informação e do lado crítico,do cara que acha que todo mundo pode superar um problema com  facilidade e sem ajuda de terceiros.Acho fantástico pessoas conseguem colocar em prática sua força interior e vencer sua resistência emocional,Mas nem todo mundo é igual,se fosse fácil entender o ser humano ,não  estaria lotado de pessoas nos consultórios,fazendo análise!Tenho certeza que depois desse video,muitos vão se animar a fazer o mesmo!

quarta-feira, 30 de outubro de 2013

Voltando a Fisioterapia!


Bom gente andava meio sumidinha,mas hoje resolvi compartilhar um pouquinho do que estou fazendo,pois é voltei a fazer fisio!!Depois de tantos anos ,me virando em casa ,comecei a apensar que estou ficando mais velha e não voltar a fazer algo, as coisas podem piorar.Minha postura anda bem ruim e minha perna anda puxando muito,na hora de alongar,sem falar que não fico mais em pé a muitos anos...Mas nunca é tarde para corrermos atrás do tempo perdido.Um amigo dia desse me indicou a fisio ,que ele está a uns 15 anos.Bom, marquei hora e fui,esperando que tudo que vier pra minha pessoa é LUCRO!!Chegando lá comecei a contar um pouco da minha vida,ela de cara me falou em bom tom,que a minha postura estava horrível,e devido ao encosto da cadeira de rodas.
Pois bem ,"me caiu os butiás do bolso",eu vou ao médico sempre (hospital)e porque não me falaram?Cara,vou te dizer por essas e outras que temos um desanimo,as coisas são tão simples e por uma falta de vontade,ficamos a "merce"da vida.Não vou discutir ou ficar braba,cheguei a uma altura da vida,que isso só vai me fazer mal,quero soluções para meus problemas e viver bem,se é que vocês me entendem?
Voltando a minha fisioterapeuta, ela é maravilhosa e se chama Ana,começamos a pouco tempo,mas posso dizer que estou me sentindo outra pessoa,estou com mais ânimo,ela puxa minha orelha,e eu gosto de pessoas exigentes e determinadas,quanto ao seu paciente.Acho que muitos profissionais estão em área errada,não se preocupam com o tempo em que um deficiente está na cadeira de rodas,e o que podem fazer para ajuda-lo.
Bom ,vou deixar a leoa que está dentro de mim adormecida ,porque se eu inventar de coloca-la para fora,vou acabar fazendo M...Então é bola pra frente,procurar viver em harmonia com meu corpo e minha alma!!Será que essa sou eu?hahaha
Buenas,ao longo de minha fisio,vou contanto meu progresso pra vocês e quem sabe ajudo muitos outros que andam desanimadinhos!!
Obs:Tenho que perder peso também...

quinta-feira, 3 de outubro de 2013

Deficiência e Virgindade

Eu costumo receber email,de muita gente curiosa em relação a deficiência,outros pra contar suas histórias,na verdade pra desabafar.Tem os que querem tirar duvidas,e o campeão de dúvidas é o SEXO!!
O que observei, é que tem muitos deficientes que são virgens,e muitas vezes deixaram oportunidades de uma relação devido aos cuidados exagerados de suas famílias.Não estou condenando,as famílias em modo geral tem medo que seus filhos ou irmãos se machuquem.
Olhem,dois trecho de uns emails que recebi,claro que não vou identificar os nomes.

"...sinto uma imensa tristeza,porque minhas amigas tem namorado e já té transaram e não posso,porque minha família não deixa eu sair sozinha.E mesmo em minha casa,não tenho privacidade,se convido algum amigo.Tenho curiosidade de saber como é fazer sexo,eu não sei quanto eu posso viver,devido a minha doença.Aqui em minha família não falam sobre sexo,acho que não deve pensar nisso.Desculpe estar mandando esse email,mas me sinto sozinha e precisava desabafar com alguém..."(doença degenerativa dos músculos)

"...depois de 22 anos,comecei a namorar,mas minha família fica em cima,não temos privacidade nenhuma.Nunca transei,tenho a maior curiosidade,não sei o que vou sentir...Ele é um cara sem deficiência,muito bacana comigo,e me sinto muito feliz ao lado dele,sofri um acidente ainda criança ,que me tornou cadeirante.Sou uma pessoa alegre,mas ando cansada de tanto selo de meus pais,só quero ser normal como qualquer outra pessoa.E percebi que vou ter que bater de frente para conseguir minha privacidade...Já gostei de outros rapazes ,mas nunca fui correspondida,muitas vezes por preconceito."(paraplégica)

E ontem vendo um filme,me chamou a atenção sobre esse assunto, o nome filme "Doces Encontro",onde uma adolescente de 15 anos com uma doença degenerativa,que fazer sexo,sem se importar com os sentimentos!Sendo virgem e com uma doença degenerativa,criam mil coisas na cabeça,uma delas deixar de ser virgem!Ela queria fazer sexo e pronto,algo normal pra muitas pessoas,mas ela não ficou com medo,meteu a cara,e foi.
E lendo esses emails,fiquei pensando porque não podemos ser donos de nossos corpos?Poque temos alguma deficiência,temos que ser diferentes em relação ao sexo.E se a pessoa deficiente for dependente pra poder se locomover,as coisas ficam piores.Vem a cabeça de muitos "é dependente pra tudo e ainda quer fazer sexo?".Parece ser algo de outro mundo,mas isso é preconceito,acham que sexo e deficiência não combinam,O deficiente como qualquer outra pessoa,tem direito a ser uma vida sexual,de amor,se apaixonar,levar na cara,se decepcionar ,viver como como ser humano.Não sei até onde vai, essa concepção medíocre das pessoas!!

domingo, 29 de setembro de 2013

sábado, 14 de setembro de 2013

Aniversário da minha filha!

Há 18 anos atrás nascia o amor da minha vida,Stephany!Quando me tornei cadeirante (22 anos)perdi o chão e entre tantas dúvidas veio aquela,"será que posso ser mãe?"Quase toda mulher tem um sonho de ser mãe,mas ser mãe e deficiente, era algo estranho,em um mundo cheio de preconceito como o nosso.Mas não tive dúvida,quanto a minha escolha,e percebi que uma paraplégica apenas não caminha, o resto é normal!!Uma vida cheia de limitações ,em que temos que nos adaptar,a cada dia.Mas no momento que percebi que estava grávida,senti uma imensa felicidade,sabia o quanto minha vida iria mudar.Hoje só tenho que agradecer a filha que tenho,a amiga e companheira.Uma pessoa decidida,com personalidade forte,que desde pequeninha,teve que enfrentar muitas barreiras com essa mãe cadeirante!Parabéns filha!!Te desejo toda felicidade do mundo!TE AMO!!

sexta-feira, 30 de agosto de 2013

Aplicativo,para denunciar quem viola vaga para deficientes!

Pois é viva a tecnologia!!Mais um aplicativo,mas agora para denunciar quem estaciona em vaga de deficiente.



Quem é que nunca viu alguém utilizando indevidamente uma vaga de estacionamento reservada para deficientes físicos? Esse tipo de cena cada vez mais comum nas cidades, seja quando vamos a um supermercado, banco ou show, por exemplo, costuma causar revolta em quem presencia, mas um aplicativo (app) para smartphone pretende ajudar a denunciar quem gosta de levar vantagem nesse tipo de situação.
O aplicativo Parking Mobility, que está disponível gratuitamente na App Store, viabiliza a geração de um relatório que pode ser enviado diretamente as autoridades, segundo informou o site springwise. Os usuários enviam três fotos: uma com a placa do carro, uma da janela da frente e uma da vaga de estacionamento. 
O vídeo abaixo explica como o aplicativo funciona:




Uma vez que a comunidade de deficientes físicos é cada vez mais consciente quanto as infrações nos estacionamentos, o aplicativo ajuda a trazer mais agressores à Justiça e criar receita para as cidades, por meio das multas. As irregularidades registradas pelo Parking Mobility junto as autoridades poderão ainda recolher 20% das multas para instituições de caridade voltadas aos que têm dificuldade de locomoção.

Fonte Post acima do  site http://www.ecodesenvolvimento.org/posts/2013/julho/aplicativo-possibilita-denunciar-quem-viola-vaga
Sempre que achar algo bacana,venho compartilhar com vocês!!Bora lá fazer justiça!!

terça-feira, 20 de agosto de 2013

Arranjar um cantinho...




Dia desses, eu vi uma amiga no face,que falava  sobre as pessoas "arranjar um cantinho" para os cadeirantes.E saibam que é verdade!O cadeirante vai a algum lugar,e o povo diz:
_Vem aqui que eu arranjei um cantinho,pra você ficar!
Quem falou que queremos um cantinho?A maioria das pessoas acham que a nossa cadeira é como carro ,tem que achar um lugar para estacionar.A CADEIRA DE RODAS FAZ PARTE DE NÓS!
Tenho que admitir,que não existe acessibilidade em todo lugar.Quando vou a um restaurante ou bar,as mesas não tem acesso para que possamos ficar de frente,ou ela é curta, ou tem monte de  madeiras que atrapalha a entrada da cadeira de rodas.É muito constrangedor,você pagar a mesma coisa que as outras pessoas e não poder usufruir da mesma maneira ,das mesmas!
Já aconteceu cada coisa nesta minha vida como cadeirante..,Uma vez,lembro-me que fui ao enterro do meu tio,e quando cheguei perto do caixão(momento de despedida)alguém vem por de trás da minha pessoa e diz:
_Dá pra você ir pouquinho para o lado ou ficar naquele cantinho,que ninguém vai te incomodar?
Incomodada fiquei eu,as pessoas sempre querem dizer o contrario que dizem,porque quem está incomodando sou.Eu tenho direito de ficar onde eu me sinta bem,claro que não vou ficar no meio da porta,onde ninguém consiga passar.Somos tratados como objetos,que se coloca ali ou aqui,mas vão a PQP.
Sou "desbocada",mas me seguro as vezes para não magoar algumas pessoas que gosto muito.Sei que as vezes não é por mal,algumas pessoas querem nos deixar em lugar bom ,que ninguém possa dar um empurram(muito comum em festas de crianças kkk),mas tem gente que exagera,e fica querendo te tirar de circulação,te colocar se possível em um cantinho,tipo uma samambaia!E não adianta isso vai sempre acontecer,onde você for ,vão arranjar um cantinho!!
E see  a gente não se impor,eles vão continuar arranjando um cantinho!!

segunda-feira, 12 de agosto de 2013

Gregos com deficiências nadam graças a cadeira a energia solar

Achei maravilhosa,essa matéria,eu li na pagina do movimento superação.Vejam...
 Lefteris Theofilou, de 52 anos, que sofre de paraplegia, entra no mar com a ajuda do "Seatrac", dispositivo movido a energia solar que permite pessoas com deficiência entrem e saiam do mar de forma autônoma, em praia de Alepochori, no oeste de Atenas, no dia 12 de julho  (Foto: Yorgos Karahalis/Reuters)
Pessoas com deficiências físicas podem nadar sozinhas na Grécia graças a uma cadeira movida a energia solar desenvolvida por uma equipe de cientistas. O dispositivo Seatrac permite que os indivíduos entrem e saiam da água de forma autônoma, por meio de um trilho que os leva até o mar e os traz de volta à areia.
O aparelho foi criado em 2008 e protegido por leis de patente europeias e americanas. Ele opera sobre um mecanismo de controle fixo, que permite que até 30 cadeiras de rodas sejam movidas diariamente para dentro e fora do mar.
Atualmente, 11 dispositivos Seatrac estão instalados na Grécia, um país com milhares de ilhas e uma das maiores costas do mundo. Os pesquisadores tentam agora expandir o negocio: o produto já foi exportado para o Chipre, e há negociações com países como Croácia, França, Emirados Árabes Unidos eIsrael.
Os criadores do dispositivo também se beneficiaram do clima da Grécia, onde faz sol quase o ano todo, mas ainda há pouca acessibilidade para pessoas com deficiência. Além disso, o Seatrac pode ser configurado facilmente em praias sem rede elétrica e desinstalado ao fim da temporada, sem danos para o meio ambiente.
A equipe espera que o aparelho impulsione o turismo no Mediterrâneo, o setor mais lucrativo da região. Os cientistas lamentam, porém, a falta de apoio das autoridades locais, que compraram o dispositivo por R$ 90.810 cada, e são responsáveis pela manutenção após o primeiro ano de uso.
Paralisado da cintura para baixo, o mecânico Lefteris Theofilou, de 52 anos, passou quase metade da vida ligado a uma cadeira de rodas. Ele lembra como se fosse um sonho a primeira vez que a cadeira movida a energia solar lhe permitiu nadar sozinho no mar grego, em uma noite quente de verão.
Ele se sentou na cadeira e, ao apartar um botão, subiu nela sem ajuda e andou 20 metros pela costa até a água.
"Temos milhares de praias, as mais belas do mundo, e ainda assim não somos capazes de nadar nelas? Isso faz você se sentir livre e capaz de coisas que não poderia imaginar que faria em seu próprio país", disse. "Esses caras criaram uma coisa incrível, e ainda tropeçamos em problemas do Estado. Esse é o desleixo do Terceiro Mundo", afirmou Theofilou.
O engenheiro Ignatios Fotiou, um dos inventores do Seatrac, comparou a falta de apoio do governo à "construção de um apartamento de cobertura sem um edifício embaixo dele".
Em uma praia movimentada na cidade costeira de Alepochori, perto de Atenas, vandalismo e roubos de painéis solares são comuns. Se alguma coisa quebra, os moradores dizem que pode levar dias para o município corrigir o problema, o que às vezes é adiado ainda mais por trabalhadores em greve. Muitas vezes, adolescentes também usam a máquina como trampolim de mergulho.
O grego Minas Georgakis – cuja mulher, Matoula Kastrioti, de 46 anos, sofre de esclerose múltipla e está em uma cadeira de rodas – disse que precisou tomar o assunto nas próprias mãos, porque a ajuda da administração local "simplesmente não existe".
Com pranchas de madeira, ele construiu uma rampa adicional para permitir o acesso ao Seatrac, já que as cadeiras de roda convencionais não podem ser conduzidas sobre a areia. Mesmo assim, o caminho que leva até o dispositivo é frequentemente bloqueado por motocicletas Homens trabalham na instalação do Seatrac na praia de Nea Makri, a leste de Atenas (Foto: Yorgos Karahalis/Reuters)
estacionadas e lixo não recolhido.
Trilhos do Seatrac em uma praia de Alepochori, a oeste de Atenas, no dia 12 de julho (Foto: Yorgos Karahalis/Reuters)
Matoula Kastrioti, de 46 anos, que sofre de esclerose múltipla, observa praia em Alepochori (Foto: Yorgos Karahalis/Reuters)
Matoula Kastrioti, de 46 anos, que sofre de esclerose múltipla, observa praia em Alepochori (Foto: Yorgos Karahalis/Reuters)





terça-feira, 23 de julho de 2013

A família é tudo...


Estava conversando com alguns cadeirantes e percebi, o quanto a família é importante.Em qualquer situação a família é o que sustenta,um problema.E conforme a família ajuda é a recuperação da pessoa é mais rápida,digo até a aceitação de um problema ou de uma deficiência.
Quando a família ,te acolhe com  amor e carinho ,fica mais fácil de superar.Vocês não tem ideia ,da quantidade de pessoas que conheço,e quando a família não está ali,o mundo desmorona...
Por mais doloroso que seja,alguém da família tem que ter uma certa coerência,e falar com os outros membros pra que não demostre tristeza,ou descaso.Existe N famílias sem nenhuma estrutura,que acabam te empurrando para o mais fundo dos buracos,sendo que alguns sem volta...Devem estar pensando que estou sendo trágica,pois não estou,apenas quero abrir a cabeça de algumas pessoas.
Se acontece algum acidente,ou mesmo uma criança que esteja vindo ao mundo,e vier com alguma deficiência,tente aceitar e apoiar ,o resto da família.Sei que quando alguma coisa acontece inesperadamente,nos deixam perdidos,mas a covardia é o pior defeito que possa existir.Medo,todos temos,mas enfrenta-los pode nos levar a felicidade.Eu conheço 2 casos de pais que abandonam seus filhos porque nasceram com alguma deficiência,e simplesmente os deixam com suas mães,terminam com seus casamentos e o contato com seus filhos,por vergonha da sociedade!!Imaginam a tristeza ,dessas mães que esperam tanto por filhos e naquele momento que era pra ser de felicidade,são abandonadas.Não é porque nasceram com alguma deficiência,que não vão trazer alegria pra seus pais e familiares.Eu fico boba,com tais situações,as pessoas acham que são onipotentes,e que nada possa acontecer a elas...Estamos sujeitos a tudo nessa vida...Então você ,que está aí lendo meu post, se puder fazer algo pra ajudar um amigo ou a família dele,o faça!!Não custa nada tentar...Só acho que tais pais que fizeram isso,com seus filhos não são dignos de nada,quem sabe um dia DEUS toca no coração deles,só tomara que não seja tarde demais...

quinta-feira, 4 de julho de 2013

terça-feira, 2 de julho de 2013

Projeto pretende fazer jovem brasileiro paraplégico dar o pontapé inicial da Copa de 2014

Cientistas de várias partes do mundo estão trabalhando para que o pontapé inicial do jogo de abertura da Copa do Mundo FIFA 2014 seja dado por um jovem brasileiro com paralisia. A ideia pode soar impossível, mas, segundo o neurocientista Miguel Nicolélis, que está à frente do projeto batizado “Andar de Novo”, o resultado da pesquisa única no mundo, dará movimento a pessoas que sofreram lesões ou doenças neuromotoras.
Em entrevista concedida no Centro Aberto de Mídia (CAM), na tarde deste sábado (30.06), o neurocientista brasileiro explicou que isso será possível com a utilização de um exoesqueleto (uma espécie de roupa mecânica), controlado por estímulos cerebrais para integrar cérebro-máquina no uso clínico em reabilitação motora, por meio de neuropróteses. O trabalho atualmente envolve 170 pesquisadores de diversos países.
“Nossa ambição é que cadeiras de roda se tornem objetos de museu. Não podemos desprezar que também existem imponderáveis na ciência, mas nossa pesquisa está adiantada e temos confiança de que em breve poderemos devolver os movimentos para pessoas com problemas neuromotores”, disse Nicolélis.
Para o cientista, a Copa será uma oportunidade de mostrar ao mundo outro importante aspecto do País. “A imagem da ciência brasileira ganhou proeminência internacionalmente nos últimos anos. Alcançar essa meta, na partida inaugural da Copa, mostra que nos preocupamos com a ciência como instrumento de inclusão”, afirmou.
As pesquisas desenvolvidas no âmbito do projeto vêm sendo desenvolvidas com a participação de diversas áreas como a neurociência, robótica, engenharia eletrônica, reabilitação motora e ciência da computação. No Brasil, o projeto “Andar de Novo” recebe o apoio da Agência Brasileira de Inovação (Finep), ligada ao Ministério de Ciência, Tecnologia e Inovação, por meio de financiamentos do Instituto Internacional de Neurociências de Natal, no Rio Grande do Norte, idealizado por Nicolélis.
Exoesqueleto
Os testes desenvolvidos e documentados com animais demonstraram que a atividade elétrica cerebral pode ser codificada e depois decodificada para comandar o movimento de aparelhos, no caso o exoesqueleto. “Trata-se agora de ajustes entre a decodificação da atividade elétrica cerebral e aspectos da coordenação motora, de forma que a utilização do aparelho funcione com eficiência”, explicou o neurocientista.
O trabalho passará a se concentrar no Brasil com a chegada de aparelhos, intercâmbio de profissionais, interação com o sistema e acompanhamento fisioterapêutico para as pessoas que irão testar as próteses dos exoesqueletos. “A experiência com a interligação cérebromáquina sugere que o cérebro passe a incorporar o aparelho como parte do corpo, assim como um bom tenista sente a raquete como extensão de seu braço”, finalizou.
O Prof. Dr. Miguel Nicolélis é premiado e reconhecido por seu trabalho com a neurociência. É professor titular de Neurobiologia e Co-Diretor do Centro de Neuroengenharia da Duke University – EUA, há mais de 20 anos, além de fundador e Coordenador do Instituto Internacional de Neurociências de Natal – Edmond e Lily Safra (IINN-ELS), em Macaíba, Rio Grande do Norte. O cientista passa a maior parte do ano nos Estados Unidos. Quando está no Brasil, fica entre São Paulo e Natal, onde coordena o Instituto de Neurociências.

Fonte: Secom

O cientista Miguel Nicolelis (à direita) observa macaco caminhando em esteira durante experimento (Foto: Reprodução/TV Globo)
O aparelho que o neurocientista Miguel Nicolelis pretende usar para que um paraplégico dê o pontapé inicial da Copa do Mundo de 2014 começará a ser testado em humanos já em junho. A informação foi confirmada pelo pesquisador brasileiro nesta terça-feira (21) durante uma palestra na sede da Finep, no Rio de Janeiro.
“Pretendemos começar os testes com o exoesqueleto já em junho”, afirmou o pesquisador durante o evento, citado pelo site da Finep. A empresa pública é vinculada ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação e serve como uma ferramenta de financiamento às pesquisas nacionais.
O projeto de Nicolelis, chamado Andar de Novo, conta com cerca de R$ 33 milhões de investimentos da Finep, aplicados no Instituto Internacional de Neurociências de Natal – Edmond e Lily Safra, no Rio Grande do Norte. O brasileiro também é vinculado à Universidade Duke, nos Estados Unidos.
O exoesqueleto é um aparelho que envolve os membros paralisados – no caso de um paraplégico, as pernas. Ele pode ser conectado diretamente ao cérebro do paciente, que então controlaria o equipamento como se fosse parte de seu próprio corpo. Dessa forma, seria perfeitamente possível que um paraplégico chutasse uma bola, como sonha Nicolelis.
A técnica faz parte de uma linha de pesquisa conhecida como interface cérebro-máquina, com a qual Nicolelis já obteve resultados internacionalmente relevantes. Em um dos mais importantes, fez com que macacos não só controlassem uma mão virtual, como também que sentissem uma espécie de tato quando exerciam a atividade.
Testes em animais já mostraram que o cérebro é capaz de fazer movimentar máquinas como o exoesqueleto. Em uma experiência, a equipe de Nicolelis conseguiu fazer uma macaca movimentar um robô semelhante a ela mesma – sendo que ela estava nos EUA e o robô no Japão.
A distância de diferentes continentes também apareceu no mais recente trabalho de impacto da equipe. Os sinais cerebrais de dois roedores – um nos EUA e outro no Brasil – foram conectados e eles puderam executar tarefas em conjunto.

domingo, 30 de junho de 2013

Inclusão e Capoeira

Eu vi este video e fiquei fascinada,vendo a felicidade de um garoto com paralisia cerebral,em uma roda de capoeira.É difícil algumas pessoas entenderem,que um deficiente tem vontade de fazer muitas coisas,sendo uma delas, o esporte.O bacana é que tem muitos esportes adaptados pra nossas limitações,sendo que alguns ficam meio complicado,e no caso desse menino,consigamos ver que mesmo com a dificuldade dele jogar,o Mestre(professor)fez de um tudo para que ele pudesse se sentir um verdadeiro capoeirista!As pessoas não tem noção do quanto faz bem para um deficiente,se sentir feliz realizando um sonho ,mesmo que impossível...Vejam o video...

quinta-feira, 20 de junho de 2013

Campanha Alemã sobre Inclusão: Precisamos Usar Disfarce Para Que Se Aproximem?

Achei fantástico esse video,mostra uma grande realidade...
Assista esse vídeo comovente da campanha alemã Pro infirmis, sobre inclusão de pessoas com deficiência. Esse vídeo mostra exatamente como uma pessoa com deficiência se sente diante de uma sociedade tão preconceituosa e discriminatória.
Precisamos usar disfarce, para que se aproximem?  Então… que se aproximem.

fonte http://blog.isocial.com.br/campanha-alema-sobre-inclusao-precisamos-usar-disfarce-para-que-se-aproximem/

segunda-feira, 10 de junho de 2013

O Papel do CUIDADOR!

Nós ouvimos a todo momento,falar sobre o cuidador.Mas muitas pessoas não sabe direito o que ele faz,devido ao filme que passou no cinema " Intocáveis" ,que eu adorei por sinal,mostra um pouquinho o que é a vida de um cuidador.
Quem é o cuidador?
    Cuidador é um ser humano de qualidades especiais, expressas pelo forte traço de amor à humanidade, de solidariedade e de doação. É alguém que “cuida a partir dos objetivos estabelecidos por instituições especializadas ou responsáveis diretos, zelando pelo bem-estar, saúde, alimentação, higiene pessoal, educação, cultura, recreação e lazer da pessoa assistida”. É a pessoa, da família ou da comunidade, que presta cuidados à outra pessoa de qualquer idade, que esteja necessitando de cuidados por estar acamada, com limitações físicas ou mentais, com ou sem remuneração.

O que é cuidar?
    É uma atitude de preocupação, ocupação e responsabilização com o ser cuidado. Sem o cuidado, o homem deixa de ser humano, desestrutura-se, definha, perde o sentido e morre.

Quais são as tarefas do cuidador?
o    Atuar como elo entre a pessoa cuidada, a família e a equipe de saúde.
o    Escutar, estar atento e ser solidário com a pessoa cuidada.
o    Ajudar nos cuidados de higiene.
o    Estimular e ajudar na alimentação.
o    Ajudar na locomoção e atividades físicas, tais como: andar, tomar sol e exercícios físicos.
o    Estimular atividades de lazer e ocupacionais.
o    Realizar mudanças de posição na cama e na cadeira.
o    Administrar as medicações, conforme a prescrição e orientação da equipe de saúde.
o    Comunicar à equipe de saúde sobre mudanças no estado de saúde da pessoa cuidada.
o    Outras situações que se fizerem necessárias para a melhoria da qualidade de vida e recuperação da saúde dessa pessoa.

fonte 
http://www.homefamilydf.com/o-papel-do-cuidador/


Só tem uma coisa,que as pessoas esquecem,pra ser um cuidador precisa gostar de pessoas,sem isso você não vai ser capaz de cuidar de ninguém!

terça-feira, 4 de junho de 2013

Onde está o problema?


Muita gente não deve saber,mas os cadeirantes tem alguns problemas em saber o que pode estar acontecendo com eles,isso devido a sua lesão(quando lesão medular).Quando sentimos uma dor ela meio que se generaliza,daí entramos em pânico,por não saber o que está acontecendo,e logo vem a pergunta "onde está o problema?".
E quando vamos ao médico,eles não sabe o que pode ser,e começam fazer exames,pra saber o que de fato temos.Um dia meu abdome endureceu de uma forma absurda,que não conseguia respirar direito,fui parar na emergência de um hospital,imaginei N coisas,e o pior de tudo que nenhum médico sabia também,tudo hipótese.E o pior de tudo quando você tem que que ficar escutando,um monte de gente ao seu lado falando que é isso ou aquilo,pois bem,não dê ouvido a ninguém,porque se nem os médicos sabem,quem vai saber?Então é procurar um hospital e fazer exames pra saber o que de fato possa ter.Se você tem dor na barriga todo mundo fala que é gases!!Me viraram do avesso,e teimaram ser gases,então comecei a sentir um amargo na minha boca,e tinha uma sensação de sufocamento,e não deu outra,fui a um gastro e acabei descobrindo uma gastrite!Uma gastrite me deu tanto sufoco,algo que de costume não acontece com alguém sem deficiência.
O que eu quero deixar claro aqui,antes de mais nada,familiares de deficientes e deficientes,devem ter calma ,quando não sabe o que possa estar acontecendo,pode ser algo bem simples,mas tem que ser tratado com seriedade.E por favor parem de pensar que tudo é gases kkkkkk



quarta-feira, 29 de maio de 2013

Posições sexuais para homens com lesão medular: Criatividade,

A pedidos,agora vou colocar o video de posições sexuais para homens com lesão medular.Gente,achei bem bacana meste video,a maneira do cadeirante se colocar pra fazer sexo oral ,na parceira.Está em ingles,mas dá pra entender..rs


http://mitchelltepper.com

Lembre-se,que nenhum video ,vai lhe trazer novamente a vida sexual,se você não estiver preparado para conhecer cada parte de seu corpo,e lhe dar o devido amor que merece.

Cuide de sua MAMA

Você que é mulher,tem obrigação de cuidar de sua saúde,o câncer de mama não escolhe classe nem condição física!A mulher cadeirante além de cuidar de uma série de problemas que possam aparecer,tem também que ir regularmente ao ginecologista,e fazer o auto exame de mamas.Milhões de mulheres,morrem todo ano de câncer de mama,muitas ainda são salvas e acabam perdendo parte do seu seio,as vezes todo ele.Algumas mulheres ficam traumatizadas por uma vida inteira,afastando seu parceiro do convívio íntimo.Mas outras levantam a bandeira a favor da vida,e se mostram em fotos publicitárias,para chamar a atenção do mundo inteiro.
Vou colocar aqui algumas fotos de mulheres,tiradas por um grande fotógrafo,que ao mesmo tempo que emociona ,acaba chocando...



 David Jay,é um renomado fotógrafo de moda acostumado a fotografar as mais belas mulheres do mundo.
Há três anos atrás, uma de sua melhores amigas, com apenas 29 anos, foi diagnosticada com câncer de mama. Jay acompanhou de perto a luta de sua amiga para vencer  a doença e desde então, fotografou mais de 100 jovens mulheres sobreviventes dessa mesma enfermidade. O projeto intitulado, “SCAR” (Survivor Cancer), retrata cruelmente a difícil batalha dessas mulheres que resistiram a essa implacável doença e seguiram suas vidas adiante.
As imagens são fortes. As cicatrizes deixadas pelas operações sofridas para as retiradas das mamas, marcaram mais que a pele dessas mulheres, porém, esses não foram motivos suficientes para que deixassem se despir e mostrassem ao mundo a importância de se aumentar a consciência de todos, sobre os exames médicos preventivos
O ensaio foi dedicado as mais de 10 mil mulheres, entre 18 e 40 anos, que sofreram dessa doença no ano de 2011.
scar20

scar18

scar16

scar15
scar11

scar6

scar10

sexta-feira, 24 de maio de 2013

O ser humano nunca espera...

Encontrei um texto, que fala muito bem o que o ser humano pensa...A  gente se depara com muitas pessoas preconceituosas,e que acham que são onipotentes.Seria um defeito?Não sei...Mas que a maioria dos seres humos não esperam pelo pior,acho que nem devem pensar,pensar na vida e na felicidade,é muito melhor!Mas achar que nada pode te atingir...Então antes de ter preconceito,ou criticar alguém,lembre-se que você,não é DEUS!
“O ser humano não espera o pior. Nunca espera a dor, nunca espera a morte. O ser humano não espera as más notícias, não espera o sofrimento, não espera pelas lágrimas. Nós nunca esperamos que o pior venha a acontecer. O ser humano acha que o tempo é infinito, que nada é perecível. Temos o costume de acreditar em chances incontáveis, seres eternos, dias inacabáveis. Esperamos uma segunda oportunidade, quando poderíamos fazer valer a primeira. Aguardamos pelo próximo dia, pelos cinco minutinhos seguintes. Nós nunca acreditamos no poder que tem um segundo, um dia, uma semana. Tudo, inclusive nada, pode acontecer em um piscar de olhos. Um teto que desaba, um carro em alta velocidade, um choque, um tiro. E tudo se vai tão rápido como veio. E todos se vão, se consomem em choro, como vieram. Foi-se o tempo, foi-se a hora, fica o susto, o medo, a dor. Porque o ser humano espera por flores e não espinhos. Mesmo sabendo que nada dura para sempre, o ser humano quer acreditar que dura. Quer adiar a vida, o fim de semana, a taça de vinho. Não ficamos nunca satisfeitos ao ver o fim. O fim é trágico, é acompanhado do sabor azedo daquele momento perdido, da oportunidade deixada, das coisas não feitas e mal feitas, dos carinhos não dados, do cuidado não tomado. Nós não nos conformamos com a partida. Esperamos pela chegada. E quando não há mais volta? O ser humano enlouquece. Enlouquece porque não sabe aceitar o fim, ao mesmo tempo em que deseja cessar a tristeza. A verdade é que tudo passa. Tanto o tempo, quanto as dores. Tudo passa, o ser humano é quem tem mania de acreditar que tudo fica.”
#FICAADICA

terça-feira, 7 de maio de 2013

Dia das MÃES!

Dia das mães chegando,e a correria  pra comprar o presente para ela.Tem muitos que esquecem delas,e pensam somente nos presentes...Esquecem de sentar um pouco ao seu lado,e dar uma atenção a  mais , no meio dessa vida tão corrida.Relembrar de coisas boas,jogar uma conversa fora,escutar tanta preocupação que ela sente por você.Algumas minutos que pode ser tão precioso pra ela,vão valer mais que muito presente.Sei que as vezes temos alguma magoa,de algo que possa ter acontecido no passado,mas que de repente ela nem percebeu o quanto pode te magoar.Ser mãe é complicado,achamos que podemos estar fazendo o bem,e na verdade não,sufocamos nosso filhos de tanto amor...Mãe não tem vida própria,ela pensa nos filhos 24 horas por dia,e o pior de tudo que a gente não cansa de protege-los,podem estar adultos, mas vão ser sempre pequenos para nós.
Saímos pra comprar algo pra gente ,e começamos a olhar as lojas e pensamos "acho que vai ficar lindo nele(a)",já pensamos neles em primeiro lugar(acontece sempre comigo),e os micos que passamos?Ou melhor,fazemos eles passarem rsrs.Mas fazer o que?Somos mães,e isso é maravilhoso!!Ser mãe é não ter férias,e nem feriado.É ficar doente,e mesmo assim ficar preocupada se eles estão comendo,levando aquele casaquinho que a mãe da gente já enchia o saco,anos atrás pra você levar na bolsa.É incrível como tudo se repete,e percebemos que mãe é tudo igual,só muda o endereço...
E no hora no desespero?É da mãe que lembramos,só escutar a voz dela já dá uma tranquilidade...Mãe não tem cor,nem tamanho,nem estilo,ela tem  CORAÇÃO...Então,vamos comemorar esse dia tão esperado por ela,dar um abraço bem apertado,um beijo seguido de um TE AMO,e guardar sempre esses momentos dentro dos nossos corações.....








quinta-feira, 2 de maio de 2013

O amor vence tudo!

Andei meia sumidinha ,mas já estou de volta rsrs... Lendo um site e achei super bacana a história de uma familia que adota crianças com deficiência,que todos nós sabemos que não é fácil...Fiquei muito emocionada com as coisas que li e gostaria de compartilhar com vocês,pois não é sempre que nos deparamos com esse tipo de situação,nesse mundo que vivemos cheio de preconceitos!

As famílias contemporâneas são quase sempre formadas por filhos únicos, ou no máximo mais um irmão. Mas a família Dennehy é constituída por crianças especiais, que têm alguma deficiência – umas mais evidentes outras não, mas todos têm em comum um grande sentimento de amor incondicional que emana deles, principalmente dos pais, que sentem-se realizados e agradecidos por terem decidido adotar essas crianças quando ninguém mais queria.
As dificuldades foram muitas. Alguns diziam que eles não conseguiriam cuidar de crianças com deficiência, pois não tinham experiência quando chegaram em casa com o primeiro filho não-biológico em meados de 1993, chamado George, (eles tem mais 3 filhos biológicos que haviam ido estudar fora de casa em faculdades). Esse menino nasceu sem as mãos e não tinha bons cuidados no país onde nasceu, Romênia. “Mas quando vi aquela criança que precisava de cuidados tão especiais eu não resisti” contou a mãe Kate. E esse menino estava destinado a uma vida realmente especial: ele aprendeu a tocar violoncelo, guitarra, baixo e piano com os pés.
Os outros também mostram excepcional habilidades que sobrepõem sua deficiência. No vídeo abaixo, vemos uma família unida, sorridente, brincalhona, e que não mede esforços para cruzar o oceano, enfrentar burocracia, arrumar recursos e adotar crianças especiais, aprendendo no dia a dia como é que seu cuida e enfrenta as situações cotidianas dos seus filhos, com uma fórmula simples: amor incondicional. E Jon (o pai) completa: “Eu levei décadas para entender que não há nada material que você possa comprar que te trará verdadeiramente paz e felicidade.” E vendo essa família Dennehy, nós temos mais certeza disso.
fonte http://www.hypeness.com.br/2013/04/familia-adota-criancas-com-deficiencia-e-prova-que-o-amor-vence-tudo/

terça-feira, 2 de abril de 2013

Como um cadeirante, sabe seu peso?



Todo mundo adora se pesar ,por mais que não goste do resultado,as mulheres nem se fala...Eu antigamente não podia ver uma balança que corria pra saber meu peso,na época não saía dos 48 ,"mas que beleza"!!
Mas depois que me tornei uma cadeirante,fiquei no "olhometro",claro tenho espelho e sei bem quando estou acima do peso,mas uma balança te dá exato o que tenho que perder,porque ganhar nunca precisei,ainda mais agora depois dos 40 kkkkk.
Cada vez que vou ao hospital,pra exames de rotina,é uma lenda porque meu marido se pesa,depois me pega no colo pra saber o meu peso,subtraímos e lá está o resultado,um tanto, digamos "romântico".
Poia bem achei que poderiam fazer algo para nos ajudar,onde não precisássemos de nenhuma ajuda,pois não é que fizeram?Uma balança onde podemos subir com a cadeira de rodas,tudo de bom!!Agora não sei o preço e nem quando nossos hospitais vão colocá-la pra uso...Bom espero que logo...Enquanto isso vou me pesando de um jeito bem romântico kkkkkk.

Tem esse modelo também!!


segunda-feira, 25 de março de 2013

A vida segue...

O palestrante Nick Vujicic,nasceu sem os membros e não se deixou abalar ,onde dá palestras mostrando como podemos superar uma deficiência,com determinação e fé!Hoje ele é casado e tem um um lindo filhinho.Vendo as fotos,não tem como não se emocionar,com a felicidade dessa familia...Quando se tem fé,nada e ninguém é capaz de nos desanimar...A maneira em que ele está perto do filho,mesmo sem ter como abraça-lo,conseguiu deixa-lo bem perto do coração!!

sábado, 16 de março de 2013

SALVE O AMOR!



Aquele de conchinha e barba na nuca, que pode durar 
pra sempre ou só até amanhã.

Aquele amor sem medo, sem freio, que ama e pronto.

Salve o amor que a gente dá e pega de volta
outra hora, outro dia, com outra pessoa.

Aquele aconchego facinho
que não posa, não se esforça, não finge.

Salve o amor-próprio, que resolve a vida de muitos,

o amor das amigas, que aguenta, arrasta e levanta.

Salve o amor na pista, que roça, se esfrega se joga e vai embora.

Um amor só pra hoje, sem pacote pra presente, sem laço ou dedicatória.

Salve o primeiro amor, que rasgou, perfurou, corroeu… ensinou.

Salve o amor selvagem, o amor soltinho, o amor amarradinho.
Salve o amor da madrugada, sincero enquanto dure e infinito posto
que é chama.

Salve o amor nu, despido de inverdades e traquitanas eletrônicas.

Salve o amor de dois a dez, um amor sem vergonha, sem
legenda.

Salve o amor eterno, preenchido de muitos ardores.

Salve o amor gigante, mas sem palavras, o rotativo e o escrito,

salve o amor rimado, cego, de quatro.

Salve o amor safado, sincero e sincopado,

o amor turrão e o encaixado.

[Lia Block]

domingo, 10 de março de 2013

Erotismo e Cadeirantes

Todo mundo fica meio confuso em relação ao erotismo e um cadeirante.Primeiro lugar o que é Erotismo?
erotismo é o estímulo sexual sem apresentar o sexo em forma explícita, que é o que diferencia de pornografia O erotismo (do francês érotisme, "desejo sexual")

Quando se fala de erotismo vem na cabeça uma mulher maravilhosa,de salto alto e uma lingerie divina,e o homem ,com corpo malhado e barriga de tanquinho,mas o erotismo pode ser para todos.Seja você gordinha(o),ou com aquela  barriguinha,baixo ou alto,feio ou bonito,todos podem ser atraentes e ter seu erotismo a flor da pele.Sei que é complicado viver em uma sociedade que te exige muito,você tem que ter um relacionamento,casar ,ter filhos ,ser um bom profissional e ter uma vida sexual maravilhosa,mas as vezes as coisas não são assim.Essa mesma sociedade, colocam lá no topo mulheres magras,perfeitas e lindas.E o que acontece com os deficientes?São excluídos?Não são desejáveis?O espontâneo nos trará a alegria...Não temos que ser forçados a nada,e nem comparados a ninguém,cada um é único.
As mulheres estão se descobrindo,entrando em sex shop ,comprando brinquedinhos,buscando seu erotismo,e com os cadeirantes é a mesma coisa.O fato da cadeira e de algumas limitações,podemos ser sexy,e trabalhar todo o erotismo...
O erotismos se revela no amor,paixão no desejo intenso.O sexo é um ato físico, o erotismo é uma prática simbólica,que vem como preparação antes do sexo.O erotismo está na fala ,na roupa,nos gestos de cada um...







quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013

Assistente Sexual

Eu lendo alguns artigos na internet,e comecei a ver um video sobre assistente sexual,no começo achei que fossem casados,mas no decorrer do video comecei a achar que era uma profissional do sexo(garota de programa),mas era uma assistente sexual,algo muito comum nos Estados Unidos,Holanda,Suíça,Alemanha e Dinamarca.Aquyi no Brasil não ouvi falar ainda,mas se eu descobrir algo coloco aqui ,com certeza!


Eles são enfermeiros, massagistas, terapeutas ou artistas. Têm entre 35 e 55 anos e foram formados para responder às necessidades sexuais de pessoas sofrendo de uma deficiência física. Uma tarefa delicada, sobretudo pelo fato de a sexualidade de inválidos ser geralmente rejeitada pela sociedade e alvo de fortes preconceitos.

Da massagem erótica às carícias, até o strip-tease ou masturbação: o leque proposto é extenso e responde simplesmente às necessidades de uma intimidade geralmente reprimida e mesmo estigmatizada. "Cada assistente oferece com empatia e respeito um pouco de ternura contra uma remuneração que vai de 150 a 200 francos por hora", relata Catherine Agthe Diserens. "Por vezes, o trabalho é simplesmente descobrir o prazer de reencontrar uma funcionalidade perdida após um acidente, enquanto que, em outras circunstâncias, a relação pode ir até uma relação oral ou a penetração."

Um trabalho difícil

Ao contrário da prostituição, o acompanhamento sexual de deficientes só pode ser iniciado após um trabalho pontual de educação, orientado pelo respeito ao outro, pela ética e a escuta. "Os assistentes sexuais devem ser pessoas equilibradas, conscientes da sua própria sexualidade e não sentir desconforto com a deficiência. Além disso, eles devem manter outro trabalho a tempo parcial. Também é preciso informar os próximos da sua escolha profissional", detalha Dieserens.

"É uma experiência transtornadora. Colocamos tudo em questão: nossas idéias, nossa relação com o corpo e outros", revelava Jacques, um assistente sexual que acaba de receber seu diploma, durante uma entrevista à rádio.

Casado, pais de três crianças, Jacques relata que sua esposa apoiou sua decisão com naturalidade, sobretudo devido aos limites fixados por ele próprio desde o início: "Me dedico ao corpo, à pele, aos órgãos dessas pessoas. Não posso lhes negar massagens, carícias íntimas, mas não chego à penetração. O beijo – e o resto – está reservado a uma só pessoa bem determinada na minha vida."

A formação dura 18 dias, distribuídos por um ano, e acrescida de uma dezena de horas de trabalho em casa. Os custos chegam a 4.200 francos, o que mostra a motivação dos que escolhem o caminho.

Apesar do reconhecimento de muitos, a formação continua sendo difícil de explicar à família e até mesmo a si próprio. O fato de que, de um ponto de vista legal, o trabalho de assistente sexual seja assimilado à prostituição e esteja impregnado de uma conotação negativa não facilitam.

Mas para Aiha Zemp, esses profissionais estão apenas levantando o véu de um universo oculto, feito de desejos rejeitados e perturbações afetivas. Um mundo que deve ser abordado com um olhar diferente, ao se tratar de deficientes físicos. Uma diferença que tem um grande valor para aqueles que, como Jacques, conseguem transpor a deficiência e os temores que muitas vezes ela inspira para começar a escutar a necessidade íntima de ternura.
fonte http://www.swissinfo.ch/por/reportagens/Direito_a_sexualidade,_apesar_da_deficiencia.html?cid=888436

Não é fácil falar sobre sexualidade,agora se me permitem,assistente sexual?Mas se você for aos finalmente (penetração)e cobra pra fazer esse serviço ,não seria como um profissional do sexo?Por que usar esse termo?Pelo fato de ser enfermeiros,artistas e tal...Não estou condenando ninguém,mas começam a usar nomes diferentes,pra coisas que já conhecemos.Todo mundo tem direito ao sexo,claro que não é fácil contratar uma garota ou garoto de programa que queira andar com algum deficiente,tem que ter um certo conhecimento sobre a deficiência,digo quando se tem uma paralisia cerebral ou outra deficiência que a pessoa não fala,ou tem uma dificuldade de se comunicar.
Muitos deficientes e familiares dos mesmo,ficam furiosos quando se deparam com um post desses,achando ridículo!Mas tem muitos deficientes que não conseguem ter um relacionamento por causa de suas familias,que ficam protegendo de tudo e de todos,e esquecem que existe uma pessoa ali,capaz de sentir e de amar!E o que lhes restam ,procurar alguém ,nem que seja pagando!
Vejam um video de uma assistente sexual,a forma que ela dá atenção para ele,é muito bacana.
O video não está traduzido,outra coisa se quiser ver bem e o som do blog está atrapalhando é só dar pause na parte inferior da página!!Estou falando porque tem gente que não sabe como tirar a música.

terça-feira, 26 de fevereiro de 2013

Posições Sexuais para mulheres Cadeirantes

Posso ser algo meio clichê,falando desse tipo de assunto,mas existe um monte de pessoas que querem saber.Existem pessoas que tem medo de falar sobre sexo,e se tratando de deficientes as coisas pioram,vira um tabu maior,um grande preconceito que devemos acabar.
Lendo o site do Dr Mitchell Tepper (um amigo me passou)que também é cadeirante e conhecido internacionalmente por suas pesquisas sobre o prazer e o orgasmo experimentado por pessoas com lesão espinhal.
Sua pesquisa sobre sexualidade primeiro formal, cerca de oito anos depois de adquirir uma lesão medular, foi um estudo nacional de educação sexual e serviços de aconselhamento recebidos por homens e mulheres com lesão medular (SCI). Dr. Tepper conduziu este estudo como um estudante de pós-graduação em saúde pública da Universidade de Yale School of Medicine. Ele estava trabalhando em um grau na política de gestão de saúde e, no momento, em direção a uma carreira em administração hospitalar. Ele decidiu concentrar sua tese de mestrado sobre a prestação de serviços de cuidados de saúde sexual em cenários de reabilitação por causa da grande importância a sua própria jornada de auto-descoberta sexual tinha em seu processo de reabilitação global.
Mitchell Tepper in Manual Wheelchair

Ele mostra em um video algumas posições que uma mulher  cadeiratante pode fazer ,com muita criatividade bom humor.Tem pessoas que tem medo de tocar no assunto com uma cadeirante,fica pensando como pode fazer na hora do sexo,se existe alguma posição agradável e se pode fazer mais posições.Gente a vida sexual de cada um ,é privada e se diz respeito somente ao casal.Mas dúvidas sempre vão existir,e a vergonha de perguntar?Já recebi vários email de pessoas com dúvidas,e como poderiam proceder já que estava namorando alguma cadeirante...Pois bem pessoal,com uma boa conversa,acha uma posição aqui ou ali,mas pra quem quiser saber mesmo como fazer,com uma ajudinha as coisas ficam mais fáceis...Claro,que devido a lesão se for mais alta ,a ajuda vai ser maior,mas nada que uma boa conversa não resolva. O vídeo não é traduzido,mas dá pra entender bem as posições,bom sexo só tem uma língua kkkkk

quinta-feira, 21 de fevereiro de 2013

Alckmin amplia isenção de ICMS para veículos novos a pessoas com deficiência

Alckmin durante reunião para assinatura de ampliação da isenção de ICMS na venda de veículos novos para pessoas com deficiência
Nesta quarta-feira, 20, foi assinado pelo governador Geraldo Alckmin um decreto que concede isenção do Imposto sobre a Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) para veículos zero quilômetro adquiridos por pessoa com deficiência física, visual, intelectual severa ou profunda e autistas. 

"A grande novidade é a extensão da isenção que anteriormente beneficiava apenas as pessoas com deficiências físicas habilitadas a conduzir o próprio veículo. O beneficiário [agora] não precisa ser necessariamente o condutor, podendo indicar até três pessoas para essa função", esclareceu o secretário de Estado da Fazenda, Andréa Calabi.

O governador Alckmin ressaltou a importância do decreto. "Isto significa liberdade e inclusão. Nós estamos fazendo acessibilidade em todas as estações de metrô, todas as estações de trem, todos os nossos equipamentos públicos para facilitar a vida das pessoas com deficiência e agora quem puder também adquirir o automóvel vai ter esse estímulo, o carro 12% mais barato sem nenhum imposto do Estado de São Paulo", disse.

Condições

A isenção poderá ser solicitada uma única vez no período de dois anos contados da data da aquisição do veículo de valor até R$ 70 mil. Para ter direito à aquisição do veículo zero quilômetro sem ICMS, o interessado ou seu representante legal deve apresentar em uma unidade da Secretaria da Fazenda os seguintes documentos:

- Laudo médico que comprove o tipo de deficiência ou o autismo;
- Comprovação de disponibilidade financeira ou patrimonial para fazer frente aos gastos com a aquisição e a manutenção do veículo a ser adquirido;
- Cópia autenticada da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) dos condutores;
- Comprovante de residência.
fonte http://saopaulo.sp.gov.br/spnoticias/lenoticia.php?id=226326&c=6
Mais uma vitória...

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013

Falta boa vontade!!


Ando muito irritada com a falta de vontade dos estabelecimentos,não estão nem aí para melhorar seus atendimentos,acham que os deficientes não são consumistas,não pagam impostos...
Eu canso de brigar pelos meus direitos,na hora de estacionar,(como falei no post anterior),na hora de comprar algo,ou mesmo de ir a algum lugar pra jantar ou me divertir!
Tempos atrás liguei para uma pizzaria (FRAGATA)em porto alegre pra reservar uma mesa e perguntei se estava funcionando o elevador,e me falaram que sim, e quando cheguei ao estabelecimento,o elevador estava estragado(já funcionando ) e se não bastasse, ficou meses sem concertar ,e sem falar que no site está dizendo que tem elevador(FALTA DE CONSIDERAÇÃO).
E cada vez que vou ao shopping para pagar ou comprar algo,me deparo com um imenso balcão,que não dá pra ver quem está do outro lado,imagina pra colocar a minha senha do cartão?Faço o impossível,pra me esticar toda,e daí fico pensando o que deve passar um anão nessas horas...Isso ocorre sempre nas lojas GASTON,PAQUETÁ E CENTAURO,dizem que vão tomar alguma atitude,mas faz anos que nada fazem...
POIS É E TEM GENTE QUE DIZ QUE NÃO CORREMOS ATRÁS DOS DIREITOS,MAS TEM HORA QUE CANSA!!PRONTO, FALEI!!

terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

Vagas para deficientes


Ando bem chateada ultimamente,todo mundo já deve ter notado algumas vagas que são destinadas aos deficientes,mas tem muita gente que não respeita esse tipo de vaga,mas para acabar com toda essa confusão temos que buscar nossos direitos.Os estabelecimentos não procuram ver se as pessoas estão cumprindo as leis.Eu por exemplo tenho minha credencial e meu adesivo colado no vidro do carro,mas quando vou estacionar os outros carro não possuem,e quem me garante que são mesmo cadeirantes?Então lendo um blog bem bacana dowww.deficienteciente.com.br resolvi colocar uma postagem sobre o que é correto fazer,pois não é justo eu e mais um monte de deficientes fazer o que é certo junto a secretária de trânsito ,enquanto muitos nem aí,usam de má fé e colocam seus carros em lugar destinados a nós!Outra coisa ,esses lugares reservados fica de bom acesso quando saímos da cadeira de rodas,imagina abrir a porta e ter um outro carro colado ao seu lado?Como vai sair?Sozinho ou com ajuda fica impossível!!Então vamos respeitar!!
Esse é o link que segue e fala sobre o assunto
http://www.deficienteciente.com.br/2012/05/tire-duvidas-sobre-vagas-para-pessoas-com-deficiencia-em-estacionamentos.html
Se alguém quiser falar sobre o assunto,ou esclarecer alguma coisa fique a vontade para falar aqui.

sexta-feira, 8 de fevereiro de 2013

Cadeirantes e Obesidade

Hoje em dia a obesidade é fator que mais preocupa as pessoas,o número de pessoas obesas está crescendo como nunca,devido ao sedentarismo,falta de tempo e os benditos fast food!!E claro que não seria diferente com os cadeirantes,somos mais propícios a engordar,e com isso vem uma série de problemas cardiovasculares.
A vida sedentária,o fator genético,a idade também ajuda,quando estamos no auge dos 20 anos,fica tudo mais fácil,o nosso corpo responde melhor,conseguimos com uma dieta balanceada a perda de peso,mas quando chegamos aos 40 anos...A coisa complica,fica mais lento nosso metabolismo,e sendo cadeirante é bem pior,podemos fazer uma atividade física mas sem o movimento das pernas complica mais.Sinto que hoje aos meus 43 anos,uma dificuldade tremenda em emagrecer,é claro as pernas permanecem magrinhas,existe algumas exceções,tem gente aí na cadeira de rodas com uma porcentagem bem baixa de gordura,e quando a lesão é mais alta dificulta pra fazer uma atividade física,muitos não tem equilíbrio e a falta de músculos deixa a pessoa toda mole(infelizmente).O que fazer nessas horas??

Somente uma dieta pode ter resultados significativos!!Eu li diversos artigos sobre o assunto muitos falam do aparelho Unweighting System(que não é qualquer lugar que tem)seguido de fisioterapia(que tem uma ajuda minuscula se tratando de emagrecimento)ou uma atividade física,que não é todo mundo que consegue e se for tetraplégico é mais complicado.
Sempre vai ter um, pra dar palpite,faz isso ou aquilo,o mais indicado é falar com seu médico.Eu ando na luta pra perder peso,parece que tudo que como,me engorda 3 vezes mais,e se a gente não se cuidar acelera nossa ida para o andar de cima,então "bora cuidar o que come",porque depois de acumulada aquela gordurinha indesejada,meu querido vai ficar difícil de acabar...Sei que não é fácil,eu amo chocolate,sorvete,pizza...Mas quando lembro que é a minha saúde que está em jogo,fico em pânico!!E é incrível como nosso valores mudam,conforme vamos amadurecendo,aquele desespero pela silhueta perfeita,fica lá atrás,queremos uma qualidade de vida boa,para podermos viver em plena felicidade.Aquela plástica ali e aqui que eu pretendia fazer ,nem penso mais,poder estar viva para poder compartilhar cada momento com quem eu amo,vale muito mais!!Quero ver minha filha crescer e meus netos correndo pela minha casa!!Então Aldrey,faça direito o seu REGIME! kkkk