quarta-feira, 2 de setembro de 2009

O outro lado-filme


O OUTRO LADO-FILME


Ontem a noite, liquei a tv pra ver que filme estava passando no tele cine,estava passando um filme chamado O OUTRO LADO,me chamou a atenção por ser um filme que abordava o assunto sobre devotees(já falei aqui no meu blog),fiquei estática,porque nunca imaginei que havia filme sobre o assunto,pra mim existia esse assunto mesmo na net,coisa que descobri a muito tempo atrás.

O filme fala sobre um jornalista paraplégico,que se depara com pessoas que desejam serem paraplégica,pessoas fisicamente normais,se dizem devotees pretenders.

Pretenders pessoa heterosexuais,homossexuais ou bissexuais que sentem prazer em ter contatos com aparatos dos deficientes,cadeiras de rodas,muletas,próteses,órteses e até mesmo a imobilidade e impossibilidade do deficiênte.

Ele fica sem entender,porque pessoas ditas normais querem ser deficiêntes,e resolve entrevistar uma mulher que se diz pretender,e acaba se relacionando com ela e daí rola um monte de coisas,que acabou me deixando irritada,onde já se viu,querer ter uma deficiência,penso que pra eles é fácil,querer sentar numa cadeira ,mas sentir o que nós sentimos,ter de se sondar,não conseguir se mexer,ter algumas complicações de saúde,não conseguir subir um degrau que seja.

É difícil entender a mente humana,na história tem um sentido o porque dela ser assim,mas em outros casos só pode ser um disturbio psicológico,todo mundo quer ser independente,deixar de ser deficiênte é a nossa meta,é complicado de entender mesmo!!

Já tive uma experiência se conhecer um cara que se dizia cadeirante no meu orkut,add porque até entaõ eu gosto dessa coisa de trocar experiências em relação ao nosso problema,e descobri que ele sentava numa cadeira de roda e andava sem ter nenhuma deficiência física,falou que tinha vontade de ser cadeirante,me belisquei,será que existe tal doidera ...ahahahaha.

Bom esse filme é até interessante,mas tem que ter muita calma e paciência pra assistir e pra não se irritar!!
Por favor,claro que nem todo mundo que se aproxime de um deficiênte é devotee,e tem quem queira também se aproximar e ter alguma coisa com eles,cada um faz de sua vida o que quiser,ser feliz é a META!!





5 comentários:

  1. Que coisa doida...rsrrs
    Mas, o que vale é ser feliz!!!
    Bjokas

    ResponderExcluir
  2. Vai entender esses lokos ahahah
    bjs

    ResponderExcluir
  3. olá, so por acaso o nome verdadeiro desse filme não é »Quid Pro Quo»?
    fora isso, tb n entendo essa fixação dos devotees e concordo ctg,só Deus sabe o k nós queremos sair desta cadeira e ser independentes e esta gente querer isso?
    bjinhos

    ResponderExcluir
  4. Adoro meus amigos cadeirantes, mas não invejo a cadeira deles. Invejo a inteligência, a integridade, a alegria, mas não a cadeira. Isto seria patológico, da mesma forma que está muito longe do aceitável uma pessoa querer para si meus perrengues. Como você mesma disse, vai entender...

    ResponderExcluir
  5. Por acaso assisti a esse filme hoje. É bem produzido, com uma fotografia bonita [as imagens da tulipas são lindas], o roteiro bem escrito e com boas atuações dos autores, mas realmente a dúvida permanece no ar. A explicação da guria vem no final do filme, mas as dos demais participantes daquele "grupo de apoio mútuo" continuou incompreensível pra mim. Mesmo assim, é um filme interessante.

    ResponderExcluir